icons.title signature.placeholder David Nascimento
23/07/2014
08:02

A diminuição dos valores dos ingressos para a torcida comum foi alvo de muita discussão entre os dirigentes do Flamengo. Após a derrota para o Internacional no fim de semana, quase toda a diretoria rubro-negra viu a necessidade de reduzir os preços das entradas já para o clássico contra o Botafogo no domingo, mas encontrou resistência por parte do vice-presidente de marketing da Gávea e presidente da Sky, Luiz Eduardo Baptista.

Bap, como é conhecido, entende que a medida não poderia valer para clássicos, já que neles a expectativa de um bom público sempre é maior. Entretanto, o vice de marketing acabou sendo voto vencido na questão, por conta da cúpula rubro-negra acreditar que não poderia postergar os valores elevados devido à má colocação do Flamengo no Campeonato Brasileiro e a consequente crise interna e externa que o clube vive.




E MAIS!
> Assef deixa vice de relações externas do Fla após duas semanas no cargo
> Diretor do Grêmio, sobre Elano: 'Fla tem obrigações contratuais com ele'
> Bandeira desmente André Santos e diz que contrato com ele 'será cumprido'