icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
01/02/2015
19:04

O goleiro Viáfara fez história no Vitória ao alcançar o posto de estrangeiro que mais defendeu o clube, graças aos 170 jogos entre 2008 e 2011. E o histórico no Rubro-Negro pode ter ajudado o colombiano, hoje com 36 anos, a enfrentar um antigo rival: o Bahia. Neste domingo, Viáfara, hoje defendendo o Vitória da Conquista, colaborou para o Bode derrotar o Tricolor, por 2 a 0, no Lomanto Júnior, em duelo válido pela primeira rodada do Campeonato Baiano.

O Bahia, integrante do Grupo A, volta a atuar pelo Estadual no próximo sábado, quando receberá o Jacobina, na Arena Fonte Nova, às 18h30 (horário de Salvador). Já o Vitória da Conquista, no Grupo B, visitará o Galícia, no dia seginte, às 18h (de Salvador), em Pituaçu.

VITÓRIA DA CONQUISTA SURPREENDE

O Bahia entrou em campo contando com quatro contratados para esta temporada: o zagueiro Chicão, ex-Flamengo, o apoiador Tiago Real, emprestado pelo Palmeiras, o também apoiador Tchô e o meia-atacante Willians, ambos ex-América-MG. Favorito na teoria, o Tricolor do técnico Sérgio Soares bem que tentou, mas não teve a objetividade necessária para vencer Viáfara. Tchô, por exemplo, desperdiçou boa chance, aos 23 minutos.

O Vitória da Conquista provou ter qualidade ao abrir o placar. Após troca de passes, Diego Capela finalizou sem chances para Omar, o novo titular da posição após Marcelo Lomba ter sido emprestado, aos 38 minutos. Eis que, aos 43, Railan interceptou o contra-ataque do rival com as mãos e dentro da área. Pênalti e cartão amarelo para o lateral-direito. André Oliveira cobrou, deslocou Omar e fez Bode 2 a 0, aos 44.

GRITOS DE OLÉ NOVA EXPULSÃO

O segundo tempo foi de um Bahia mostrando vontade, mas sem a qualidade esperada para buscar o empate. Sérgio Soares trabalhou, promovendo as entradas de Tony, Rômulo e Zé Roberto, mas nem as presenças dos dois últimos, revelações do clube, fizeram a diferença. Controlando o ímpeto do Tricolor, o Bode ainda garantiu os gritos de "Olé" para seus torcedores. Nos minutos finais, o Tricolor ainda teve outro expulso: o lateral-esquerdo Raul, por excesso de faltas. Não foi a estreia desejada pela torcida do Bahia no ano em que terá o desafio de voltar à Série A do Campeonato Brasileiro.

No outro jogo que teve início às 17h (de Brasília), Jacobina e Galícia ficaram no 0 a 0, atuando no Jóia da Princesa.

CAMPEONATO BAIANO

1ª RODADA

Sábado – 31/1

Catuense 0 x 0 Colo Colo – Pituaçu
Jacuipense 1 x 3 Juazeirense – Pituaçu

Domingo – 1/2

17h (de Brasília)
Vitória da Conquista 2 x 0 Bahia – Lomanto Júnior
Jacobina 0 x 0 Galícia – Jóia da Princesa

19h (de Brasília)
Feirense x Serrano – Jóia da Princesa
Vitória x Bahia de Feira – 18h30