icons.title signature.placeholder Igor Siqueira
11/06/2014
11:01

A Itália chegou ao Brasil na última sexta-feira, mas só nesta quarta-feira que o técnico Cesare Prandelli conseguiu levar a campo todos os 25 jogadores que fazem parte da delegação da Azzurra no Brasil. O "mister" aproveitou para experimentar várias formações.

O grupo ficou completo porque o meia Marco Verratti se recuperou de uma febre que o tirou da atividade de terça. Os italianos estão com dois jogadores a mais em Mangaratiba por precaução. O goleiro Mirante e o zagueiro Rannochia, caso ninguém se machuque, são os que vão acabar sobrando com o início da Copa.

Os italianos iriam fechar a parte final do treino Mangaratiba nesta quarta, mas acabaram desistindo.

Primeiro, os jogadores fizeram trabalho físico, divididos em três grupos. Em seguida, Prandelli colocou os jogadores para um trabalho com bola, em campo reduzido, e tentou não entregar logo de cara o time que vai a campo contra a Inglaterra, sábado, em Manaus.

O treinador Azzurro fez constantes trocas nos dois times, testando diversas formações. Mas a tendência é que o time titular seja: Buffon, Darmian, Barzagli, Chiellini e De Sciglio; De Rossi, Verratti, Pirlo e Candreva; Cassano e Balotelli.

Diante do bom desempenho de Insigne e Immobile no amistoso contra o Fluminense, Prandelli também testou uma formação com ambos, no esquema 4-1-4-1, sem Cassano e Balotelli.