icons.title signature.placeholder Caio Carrieri, Fellipe Lucena e Thiago Ferri
14/12/2013
07:35

Com a aprovação do técnico Gilson Kleina, o Palmeiras formalizou nos últimos dias uma proposta para contratar Bruno César, meia de 25 anos que pertence ao Al-Ahli, da Arábia Saudita.

O meia tem contrato até 2016. Segundo o empresário do jogador, Marcos Casseb, o clube árabe está disposto a liberar o atleta, e o caminho mais viável é um empréstimo.

– As propostas estão chegando,  minha preferência é voltar ao Brasil. Mostrei para meus empresários que quero voltar. Vou escolher a melhor proposta, melhor clube e fechar – declarou ao LANCE!Net o jogador. 

Ele atua no exterior desde 2011, quando foi vendido pelo Corinthians ao Benfica (POR), que o negociou com os árabes no início desse ano.

Desde a última quarta-feira Bruno está em Americana (SP), onde vive sua família, para tratar de assuntos particulares, e espera por uma definição do seu futuro em breve.

– Na próxima semana deve ter novidade para mim e já vai ficar bem claro. Quero definir o mais rápido possível, ver onde vou jogar e quando tenho de me apresentar.

Bruno César não é o único meia por quem o Verdão conversa. Alex estava na pauta, mas o Coritiba anunciou ontem que ele permanecerá no Alto da Glória em 2014.

Na semana passada, o gerente de futebol Omar Feitosa se reuniu com o agente de Lucas Lima na Academia de Futebol. O jogador estava emprestado ao Sport, pertence ao Internacional e está com 23 anos. É um nome bastante elogiado por Kleina.

Elano, do Grêmio, também é pauta de tratativas.

Destaque do Santos no Brasileiro, Cícero foi cogitado internamente, mas o alto salário (R$ 350 mil) não animou a diretoria palmeirense. Além disso, ele tem em mãos uma proposta do Shandong Luneng, da China.