icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
13/11/2013
23:37

Liminar pedida pelo promotor Paulo José Sally, da 4ª Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva do Consumidor da Capital pode fazer com que a venda de ingressos para o segundo jogo da final da Copa do Brasil entre Flamengo e Atlético-PR seja suspensa nesta quinta-feira.

Sally acredita que o juizado defira o pedido em função dos argumentos apresentados.

– Notificamos e demos esse prazo para que prestassem algum esclarecimento sobre como se chegou àquele valor, alguma planilha, e nenhum contato foi feito com o Ministério Público. Esperamos uma decisão positiva pelo Direito alegado em relação ao pedido de liminar que fizemos – disse Sally ao site Globoesporte.com.

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro quer que o aumento dos ingressos seja de até 70% a mais em relação ao valor praticado na partida entre Flamengo e Goiás.

A segunda partida da final da Copa do Brasil está marcada para o dia 27 de novembro, no Maracanã. Uma semana antes, no dia 20, os times se enfrentam em Curitiba (PR).

Presidente do Flamengo explica altos valores dos ingressos