icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
18/03/2014
15:47

O holandês Frank Rijkaard anunciou a sua aposentadoria como treinador. Já sem clube desde janeiro do ano passado, quando se desligou da seleção da Arábia Saudita, o ex-técnico do Barcelona disse que quer descansar, passar mais tempo com a sua família, e acompanhar o futebol apenas como lazer.

- Do jeito que estão as coisas, não vou mais trabalhar como treinador. Não tenho a intenção de exercer a função até os 60 anos. Quero ver partidas e falar de futebol, não continuar no campo. Estou muito agradecido por tudo o que conseguir, mas agora prefiro me dedicar a outras coisas - disse Rijkaard em entrevista à revista holandesa "VI".

Rijkaard se aposentou como jogador em 1995, depois de ser ídolo de Milan e Ajax, dois clubes em que não trabalhou como técnico. Começou nesta função em 1998, justamente na seleção holandesa. Depois que saiu passou pelo Sparta Rotterdam, mas brilhou mesmo no comando do Barcelona, aonde ficou entre 2003 e 2008. Foi o treinador da geração brilhante comandada por Ronaldinho Gaúcho. Conquistou duas vezes o Campeonato Espanhol, duas Supercopas da Espanha, e a Liga dos Campeões de 2005/06.

Desde que saiu do Barcelona, não conseguiu mais brilhar na função. Foi técnico do Galatasaray, e depois da seleção árabe. Não conquistou mais nenhum título.