icons.title signature.placeholder Rodrigo Ciantar
25/11/2013
19:08

A desconfiança de uma facilitação por parte do Cruzeiro, assunto que ganhou repercussão após a imagem da TV flagrar Júlio Batista dizendo "faz logo outro, p... faz logo outro" ao vascaíno Cris, tem causado irritação na cúpula cruz-maltina. Tanto é que, nos dois últimos dias, o clube fez questão de reunir provas de vídeo para entregar à CBF, comprovando que não houve qualquer corpo mole por parte do rival no confronto de sábado, válido pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro.

- Já pedimos ao rapaz dos vídeos aqui no clube para juntar as imagens para mostrar o que foi o jogo. O curioso é que o jogador fala que é para fazermos o terceiro gol e é a gente que toma pressão, que sofre gols (um anulado por impedimento). Fomos pressionados até o fim. Além disso, tomamos quatro cartões amarelos, tivemos um pênalti não marcado... - disse Ercolino de Luca, vice de futebol do Vasco, que fez questão de sair em defesa de Júlio Baptista e de Cris.

- São jogadores que já atuaram em vários lugares do mundo, com história, conquistas e de caráter maravilhoso. Estão é querendo desvalorizar nossa vitória. Reunimos esse vídeo para mostrar o que foi o jogo, que não teve nada do que estão falando - completou o dirigente.

A intenção da diretoria vascaína é entregar ainda nesta segunda-feira os vídeos à CBF.

- Está para ser entregue. Se já não foi feito - reforçou Ercolino.