icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
11/06/2014
21:00

Vanessa Guimarães estava perto de realizar um sonho na carreira. No último sábado, dia 7 de junho, a lutadora faria a final do GP até 52kg do XFCI, em São Paulo, contra a chilena Gloria Bravo. Porém, sua adversária passou mal minutos antes do combate e não pôde atuar, ocasionando o cancelamento da luta. Apesar da frustração por não poder brigar pelo título, a atleta já virou a página e mira novos desafios pela frente.

Assim que a luta foi cancelada, o presidente do XFCI, Myron D. Molotky, fez questão de adiantar à Vanessa de que ela estaria de volta ao evento em agosto, em duelo contra Vanessa Melo, sua oponente original.

- Com esse tempo fora, agora vou treinar um pouco mais. Também não quero ficar longe das competições, então devo fazer alguma luta de muay thai para me manter na ativa - explica.

Sobre o ocorrido com Gloria Bravo, a brasileira não escondeu a decepção de não poder lutar no compromisso mais valioso da sua carreira.

- Fiquei sem reação na hora. Não tem como isso acontecer dessa maneira. Eu ia entrar ao vivo, era o Brasil inteiro esperando essa luta e nada. Alguns alunos meus pagaram passagem para ir para São Paulo para ver a luta. Era a luta mais importante da minha carreira e não acontece. Foi frustrante demais - conta.

Atleta da CM System, liderada pelo ex-lutador do UFC Cristiano Marcello, Vanessa Guimarães sabe que tem todo o apoio dos seus companheiros na preparação para seu novo duelo.

- Estava com o título muito perto de mim e escapou. A ansiedade que era grande, vai aumentar muito mais nesses meses até minha luta. Mas com a ajuda da minha equipe, vou saber lidar com isso e chegar pronta para ter essa grande conquista - confia a brasileira.