icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
13/06/2014
20:53

No segundo jogo do Grupo B, disputado na Arena Pantanal, em Cuiabá, nesta sexta-feira, o Chile venceu a Austrália por 3 a 1 e largou na frente na briga por uma vaga nas oitavas de final da Copa do Mundo. Com a goleada da Holanda sobre a Espanha, Valdivia e companhia ficam no segundo lugar. Os gols sul-americanos foram marcados por Alexis Sánchez, Valdivia e Beausejour, e o placar foi descontado por Tim Cahill.

Na próxima quarta-feira, as duas seleções voltam a campo para a segunda rodada. Enquanto o time sul-americano enfrenta a Espanha no Maracanã, os Socceroos pegam a Holanda em Porto Alegre, no Beira-Rio.

E a mística do Grupo B também foi vista no primeiro tempo de Chile x Austrália. Com 13 minutos, os sul-americanos já venciam por 2 a 0.  Alexis Sánchez abriu o placar para os chilenos. Logo depois, o atacante do Barcelona tocou para Valdivia invadir a área livre e acertar um belo chute para ampliar o placar. Porém, o Chile acabou diminuindo o ritmo e viu os Socceroos chegarem mais próximos do empate. Logo após a marca dos 30 minutos, Tim Cahill diminuiu e mostrou que o time amarelo não iria desistir tão fácil.

Mais animado após o primeiro gol, o time australiano forçou o Chile no segundo tempo e obrigou o goleiro Bravo a fazer, pelo menos, três defesas importantes. No entanto, a grande chance de marcar ficou nos pés de Vargas, que chutou fraco e deu a chance de Davidson cortar em cima da linha. Quase no fim do jogo, Beausejor pegou bem de esquerda, de fora da área, e colocou no cantinho de Matt Ryan, completando o placar!


Valdivia foi um dos principais nomes da seleção chilena na vitória (Foto: William West/AFP)

FICHA TÉCNICA
CHILE 3 X 1 AUSTRÁLIA

Local: Arena Pantanal, em Cuiabá (MT)
Data/Horário: 13/6/2014, às 19h (Horário de Brasília)
Árbitro: Noumandiez Doue (CIV)
Cartões amarelos: Tim Cahill, Millingam e Jedinak (AUS); Aránguiz (CHI)

GOLS: Alexis Sánchez, 11'/1ºT (1-0); Valdívia, 13'/1ºT (2-0); Tim Cahill, 34'/1ºT (2-1) e Beausejour, 47'/2ºT (3-1)

CHILE: Bravo, Isla, Medel, Jara e Mena; Díaz, Vidal (Vidal, aos 15'/2ºT), Isla, Aranguiz e Valdivia (Beausejour, aos 23'/2ºT); Vargas (Pinilla, aos 42'/2ºT) e Sánchez. Técnico: Jorge Sampaoli.

AUSTRÁLIA: Matt Ryan, Franjic (McGowan, aos 3'/2ºT), Spiranovic, Wilkinson e Davidson; Bresciano (Troisi, aos 32'/2ºT), Jedinak, Millingan e Oar (Halloram, aos 24'/2ºT); Leckie e Cahill. Técnico: Ange Potescoglou.