icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
01/03/2014
18:18

Não é só a Arena da Baixada que tem tirado o sono da Fifa para a organização da Copa do Mundo. Cerca de três meses após o acidente que vitimou dois operários e danificou parte do setor leste da Arena Corinthians, as obras do estádio podem ultrapassar o novo prazo estabelecido e, segundo Jerome Valcke, serem entregues apenas em maio.

- Estamos a 104 dias do primeiro jogo da Copa no Brasil, em São Paulo e em um estádio que ainda não está pronto. E não vai estar pronto antes do dia 15 de maio - alertou o secretário-geral da Fifa.

O acidente com o guindaste em novembro do ano passado fez com que a entidade alterasse o prazo de entrega para 15 de abril. A previsão era que a inauguração fosse dividida em etapas, com troca de chaves, jogos festivos e oficiais entre janeiro e fevereiro. O duelo com o Palmeiras, que terminou em 1 a 1 neste Campeonato Paulista, poderia ser usado como partida inaugural.

O dia 15 de maio sempre foi marcado pela Fifa como o dia em que o Corinthians teria de entregar o estádio definitivamente para a Copa do Mundo, deixando pouco menos de um mês para a entidade faz os últimos ajustes antes da partida de abertura entre Brasil e Croácia em 12 de junho. Agora, Valcke teme pelo pequeno intervalo disponível para os organizadores.

- Quando você recebe algo com atraso, é um desafio fazer com que fique pronto a tempo. Não pode haver críticas. Há somente o desafio para os organizadores. O objetivo é que tudo funcione entre 12 de junho e 13 de julho. E vai funcionar - garantiu.