icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
05/07/2013
21:49

A sexta-feira foi de pouca movimentação no vaivém do futebol brasileiro, mas de boas notícias para os clubes envolvidos: Santos, Palmeiras e Fluminense. O Alvinegro já sabe quanto terá que desembolsar para repatriar Robinho. O Alviverde confirmou a contratação do volante Eguren e o Tricolor, por sua vez, garantiu a permanência de um dos seus titulares envolvidos em negociações: Carlinhos. O outro, Thiago Neves, segue com situação indefinida.

O Santos segue chamando a atenção no vaivém: negociou Neymar, Felipe Anderson - fará o mesmo com Rafael -, contratou Cicinho e Mena e segue lutando para repatriar Robinho. O Milan aceitou baixar a pedida para liberar o "Rei do Drible". Não são mais 10 milhões de euros (R$ 29 milhões) e sim oito milhões (R$ 23 mi), um valor que ainda é considerado alto pela diretoria santista. O otimismo segue alto na Vila Belmiro, já que o clube italiano está disposto a conversar.

Quem pode deixar o Santos de vez é o lateral-esquerdo Guilherme Santos, que havia sido afastado há um mês, em razão de problemas de disciplina. A Portuguesa está próxima de confirmar a contratação do jogador, de 24 anos, que não vingou no Peixe - ele havia sido contratado para disputar a condição de titular com Léo.

MAIS UM REFORÇO NO PALMEIRAS

A torcida do Palmeiras teve o que celebrar nesta sexta. O volante uruguaio Eguren, de 32 anos, que defendia o Libertad (PAR), foi anunciado oficialmente pelo clube. Ele assinou contrato com o Alviverde até o fim de 2014. No Verdão, ele terá a companhia de outros dois gringos: o paraguaio Mendieta e o chileno Valdívia.

AS NOVELAS DO FLUMINENSE

O Fluminense, que já havia negociado um dos seus titulares - Wellington Nem com o Shakhtar Donetsk (UCR) - não deve perder outro: o lateral-esquerdo Carlinhos, que interessava ao Galatasaray. Os valores oferecidos pelo clube turco não agradaram e ele seguirá sendo o dono da camisa 6 tricolor.

Já a novela envolvendo a possível (nova) saída de Thiago Neves do Fluminense ganhou novos capítulos. Primeiro: o Fluminense ainda não havia entrado em acordo com o Al Hilal (SAU) para definir a melhor forma de pagamento pelo jogador. O outro problema encontrado é o receio de o clube carioca ver os 20% a que teria direito pela negociação penhorados pela Procuradoria Geral da Fazenda Nacional.

A sexta-feira foi de pouca movimentação no vaivém do futebol brasileiro, mas de boas notícias para os clubes envolvidos: Santos, Palmeiras e Fluminense. O Alvinegro já sabe quanto terá que desembolsar para repatriar Robinho. O Alviverde confirmou a contratação do volante Eguren e o Tricolor, por sua vez, garantiu a permanência de um dos seus titulares envolvidos em negociações: Carlinhos. O outro, Thiago Neves, segue com situação indefinida.

O Santos segue chamando a atenção no vaivém: negociou Neymar, Felipe Anderson - fará o mesmo com Rafael -, contratou Cicinho e Mena e segue lutando para repatriar Robinho. O Milan aceitou baixar a pedida para liberar o "Rei do Drible". Não são mais 10 milhões de euros (R$ 29 milhões) e sim oito milhões (R$ 23 mi), um valor que ainda é considerado alto pela diretoria santista. O otimismo segue alto na Vila Belmiro, já que o clube italiano está disposto a conversar.

Quem pode deixar o Santos de vez é o lateral-esquerdo Guilherme Santos, que havia sido afastado há um mês, em razão de problemas de disciplina. A Portuguesa está próxima de confirmar a contratação do jogador, de 24 anos, que não vingou no Peixe - ele havia sido contratado para disputar a condição de titular com Léo.

MAIS UM REFORÇO NO PALMEIRAS

A torcida do Palmeiras teve o que celebrar nesta sexta. O volante uruguaio Eguren, de 32 anos, que defendia o Libertad (PAR), foi anunciado oficialmente pelo clube. Ele assinou contrato com o Alviverde até o fim de 2014. No Verdão, ele terá a companhia de outros dois gringos: o paraguaio Mendieta e o chileno Valdívia.

AS NOVELAS DO FLUMINENSE

O Fluminense, que já havia negociado um dos seus titulares - Wellington Nem com o Shakhtar Donetsk (UCR) - não deve perder outro: o lateral-esquerdo Carlinhos, que interessava ao Galatasaray. Os valores oferecidos pelo clube turco não agradaram e ele seguirá sendo o dono da camisa 6 tricolor.

Já a novela envolvendo a possível (nova) saída de Thiago Neves do Fluminense ganhou novos capítulos. Primeiro: o Fluminense ainda não havia entrado em acordo com o Al Hilal (SAU) para definir a melhor forma de pagamento pelo jogador. O outro problema encontrado é o receio de o clube carioca ver os 20% a que teria direito pela negociação penhorados pela Procuradoria Geral da Fazenda Nacional.