icons.title signature.placeholder Bruno Andrade e Marcio Porto
23/06/2014
16:25

Valdivia começou o confronto entre Holanda e Chile no banco de reservas. Ainda assim, o camisa 10 foi o jogador que mais atriu a atenção dos torcedores nesta segunda-feira na Arena Corinthians. Ídolo do Palmeiras, o meia foi xingado e aplaudido em vários momentos da vitória holandesa por 2 a 0.

Ao término da partida, o Mago fez um balanço do apoio da torcida, que teve a presença de corintianos, palmeirenses, santistas e são-paulinos, entre outros. Abordado se foi mais criticado ou mais elogiado, ele preferiu somente agradecer o apoio.

- Não sei (mais xingado ou mais aplaudido). Agradeço muito o carinho da torcida. Agora espero que esse apoio e essa torcida acompanhe o Chile nos próximos jogos - declarou Valdivia, que entrou apenas no segundo tempo.

Com a derrota para a Holanda, o Chile terminou a primeira fase da Copa do Mundo na segunda colocação do Grupo B. Os chilenos vão enfrentar o primeiro colocado do Grupo A (Brasil, Croácia ou México).

- A gente queria ter ganhado da Holanda, ter terminado em primeiro (para enfrentar o segundo colocado do Grupo A). A defesa holandesa estava muito fechada, com sete ou oito jogadores defendendo. Foi complicado achar espaços - finalizou.