icons.title signature.placeholder Pedro Leanza e Guilherme Borini
10/04/2014
16:16

O técnico Vadão aceitou o convite da CBF para comandar a Seleção Brasileira feminina e vai deixar a Ponte Preta, segundo o LANCE!Net apurou. O treinador comandará o projeto visando à conquista do ouro olímpico nos jogos do Rio, em 2016.

A oficialização por parte da entidade depende da assinatura do contrato, que terá duração de um pouco mais de dois anos. Vadão assumiu a Ponte Preta no começo de fevereiro, com contrato até o fim de 2015.

O atual técnico das meninas do Brasil é Márcio Oliveira, que acabou de completar uma série de amistosos na Austrália, com uma derrota e uma vitória em dois jogos.

Mais cedo, após o treino da Macaca, Vadão preferiu não confirmar o novo emprego.

- Meu nome foi ventilado, mas eu estou aqui trabalhando. Se eu tivesse acertado alguma coisa, não estaria aqui. Fico feliz, grato, mas não tem nada oficial. Tanto é que estou aqui treinando, trabalhando, vamos para o jogo-treino neste sábado contra o Mogi e o pensamento é na Ponte Preta. Se vier algo eu tenho que pensar, ainda mais por vir da CBF. Se oficializarem e chegar ao ponto de eu ter que decidir, refletirei com bastante carinho - declarou Vadão, que prepara a equipe da Ponte para a disputa da Série B do Brasileiro.