icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
12/11/2013
15:42

Com duas décadas de existência, nada mais justo do que o UFC relembrar seus grandes momentos. E, no mundo das lutas, não se pode negar que resultado mais empolgante é o nocaute. Na semana em que completa seus 20 anos de existência, a organização divulgou em seu site oficial uma lista na qual enumera seus 20 melhores nocautes. O LANCE!Net separou essa lista que conta com as vitórias de sete lutadores brasileiros. Um fato curioso é que a organização não conseguiu definir o merecedor da primeira posição, dividindo o topo da lista entre dois atletas.

Ao todo, os 20 nocautes reuniram uma disputa acirrada com os triunfos conquistados com os pés e os alcançados com as mãos dos lutadores da organização. Foram dez nocautes com socos, nove com chutes e um via "bate-estaca". 

Confira abaixo os 20 maiores nocautes do Ultimate:
20º - Vitor Belfort x Wanderlei Silva
No primeiro evento do UFC no Brasil, Vitor Belfort nocauteou Wanderlei Silva em apenas 40 segundos de luta.

19º - Renan Barao x Eddie Wineland
O campeão interino dos galos defendeu pela segunda vez seu cinturão, contra Eddie Wineland, no Canadá. Na ocasião, o brasileiro aplicou um nocaute com um chute alto rodado.

Renan Barão nocauteia Eddie Wineland, em setembro de 2013 (FOTO: Getty Images)

18º - Yves Edwards x Josh Thomson
No final do primeiro round, Yves Edwards escapou de uma tentativa de soco rodado de Thomson e, em seguida, acertou um chute voador, que nocauteou seu adversário.

17º - Rashad Evans x Sean Salmon
Com um belo chute alto de direita, Rashad Evans apagou Sean Salmon no segundo round, pelo UFC Fight Night: Evans vs Salmon.

16º - BJ Penn x Caol Uno
Na edição número 34 do Ultimate, BJ Penn precisou de apenas 11 segundos para nocautear o japonêns Caol Uno.

15º - Travis Browne x Alistair Overeem
Após resistir a uma sequência devastadora de golpes, Travis Browne se recuperou e nocauteou Alistair Overeem com um chute frontal, no UFC Fight Night Combate: Shogun x Sonnen, realizado em agosto passado.

14º - Rampage Jackson x Wanderlei Silva
Completando a trilogia, o americano vingou-se das duas derrotas que teve para o brasileiro no PRIDE e nocauteou Wanderlei no primeiro round, pelo UFC 92

Rampage Jackson derruba Wanderlei Silva no UFC 92 (FOTO: UFC)

13º - Pete Williams x Mark Coleman
Coleman começou melhor a luta, mas cansou no segundo round e acabou sendo nocauteado por Williams, no UFC 17.

12º - Lyoto Machida x Randy Couture
Num dos nocautes mais bonitos da história do Ultimate, o brasileiro Lyoto Machida acertou um chute voador na lenda Randy Couture, derrubando o americano no UFC 129. O resultado aposentou o americano.

Lyoto acerta chute espetacular em Randy Couture (FOTO: UFC)

11º - Rashad Evans x Chuck Liddell
Pelo UFC 88, Evans chocou o mundo ao nocautear o "Iceman" com um direto espetacular que apagou seu rival no segundo assalto.

Rashad Evans acerta belo soco e apaga Liddell (FOTO: UFC)

10º - Chuck Liddell x Tito Ortiz
No UFC 47, após conectar um soco de esquerda, Liddel encurralou Tito Ortiz na grade e finalizou a luta com uma sequência avassaladora de socos.

9º - Rich Franklin x Nate Quarry
Defendendo seu título dos médios, Rich Franklin, conseguiu um nocaute espetacular sobre Nathan Quarry, no UFC 56.

8º - Mauricio Shogun x Lyoto Machida
Em revanche pelo cinturão dos meio-pesados, Maurício Shogun não deixou a luta ir para decisão dos juízes e nocauteou Lyoto Machida no primeiro assalto, pelo UFC 113, em maio de 2010.

Shogun ganha cinturão do Ultimate ao nocautear Machida (FOTO: UFC)

7º - Matt Hughes x Carlos Newton
Com um nocaute inusitado - um bate-estaca - Matt Hughes derrotou Carlos Newton pelo UFC 38.

6º - Chuck Liddell x Randy Couture
Um dos maiores nocauteadores da história do MMA, Chuck Liddell vingou-se da derrota que havia sofrido para Randy Couture e derrubou o americano com um direto certeiro, no primeiro round, pelo UFC 52.

Chuck Liddell nocauteia Randy Couture em disputa de cinturão (FOTO: UFC)

5º - Dan Henderson x Michael Bisping
Após um período de muitas provocações, os atletas tiraram as diferenças no octógono, quando Hendo acertou um dos nocautes mais brutais da história do UFC, derrubando Bisping no segundo round, pelo UFC 100.

Com bomba de direita, Henderson apaga Michael Bisping (FOTO: UFC)

4º - Gabriel Gonzaga x Mirko Cro Cop
Utilizando a arma tradicional de seu adversário, Napão fez Cro Cop provar do seu próprio veneno ao nocautear o croata com um chute alto, no UFC 70. O resultado é considerado uma das maiores zebras da história.

No melhor nocaute dos pesos-pesados, Napão derrubou Cro Cop (FOTO: UFC)

3º - Edson Barboza x Terry Etim
O "Nocaute do ano" de 2012 foi de Edson Barboza. Atuando pelo UFC 142, no Rio de Janeiro, o brasileiro acertou um chute rodado em Terry Etim que entrou para história.

 
Barboza acerta chute rodado em Terry Etim, no Rio (FOTO: Alexandre Loureiro/LANCEPRESS)

1º B -Chris  Weidman x Anderson Silva
Desafiando o cinturão de Spider, Weidman chocou o mundo ao nocautear o brasileiro no UFC 162, que aconteceu em julho deste ano.

Weidman conquista cinturão dos médios com nocaute em Spider (FOTO: Getty Images)

1º A - Anderson Silva x Vitor Belfort
Um dos nocautes mais famosos da história do Ultimate foi o de Anderson Silva em Vitor Belfort. O duelo, que era tratado como "Luta do século", terminou com Spider nocauteando o "Fenômeno" com um chute frontal espetacular, no primeiro round, pelo UFC 126.

Anderson Silva nocauteia Vitor Belfort com chute frontal (FOTO: Getty Images)

Você concorda com a lista feita pelo UFC? Comente sua opinião logo abaixo!