icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
18/07/2013
10:47

Três torcedores paraguaios morreram durante as comemorações pela vitória por 2 a 0 do Olimpia sobre o Atlético-MG, após a primeira partida entre as duas equipes pela final da Copa Libertadores. Os acontecimentos foram registrados fora da capital Assunção.

Duas vítimas foram atropeladas na cidade de Areguá. Carlos Javier Palacios e Carlos Rodrigo Fleitas Franco, ambos de 23 anos, foram atropelados por um veículo enquanto celebravam a vitória do Olimpia no acostamento de uma rodovia.

Após o acidente, o condutor do veículo, que estava superlotado, fugiu. No entanto ele foi capturado horas mais tarde e se comprovou que estava embriagado.

Em outro local, na cidade de Capiatá, onde também houve um confronto entre torcedores de Olimpia e Atlético-MG, um motociclista morreu após bater com o seu veículo em um poste. Óscar Méndez Giménez, de 20 anos, conduzia em estado de embriaguez.

Três torcedores paraguaios morreram durante as comemorações pela vitória por 2 a 0 do Olimpia sobre o Atlético-MG, após a primeira partida entre as duas equipes pela final da Copa Libertadores. Os acontecimentos foram registrados fora da capital Assunção.

Duas vítimas foram atropeladas na cidade de Areguá. Carlos Javier Palacios e Carlos Rodrigo Fleitas Franco, ambos de 23 anos, foram atropelados por um veículo enquanto celebravam a vitória do Olimpia no acostamento de uma rodovia.

Após o acidente, o condutor do veículo, que estava superlotado, fugiu. No entanto ele foi capturado horas mais tarde e se comprovou que estava embriagado.

Em outro local, na cidade de Capiatá, onde também houve um confronto entre torcedores de Olimpia e Atlético-MG, um motociclista morreu após bater com o seu veículo em um poste. Óscar Méndez Giménez, de 20 anos, conduzia em estado de embriaguez.