icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
16/11/2014
17:50

A posição de Fabricio Werdum como campeão interino dos pesados - promovida devido a inatividade de Cain Velásquez por conta de uma lesão no joelho - não incomoda Rafael Cordeiro, principal treinador do peso pesado. Segundo ele, seu pupilo, que nocauteou Mark Hunt na luta principal do UFC 180, neste sábado, na Cidade do México, é o real dono da categoria principalmente pela incerteza em torno da volta do campeão absoluto.

- Werdum é o campeão. Ninguém sabe se Cain será capaz de voltar a lutar logo. Já tive a mesma lesão do Cain, sei que demora muitos meses para se recuperar... Mas queremos fazer essa luta, sem dúvida. Espero que ele volte logo. Werdum provou hoje que tem boa assimilação de golpes, ele pode ser acertado fortemente e suportar isso. Ele nocauteou um cara do da trocação. Treinamos essa joelhada o tempo todo. Treinamos isso para a luta com o Roy Nelson. Ele e Hunt são da mesma altura e tem poder nas mãos. A estratégia foi basicamente a mesma, eles tem o mesmo tamanho e Werdum tem uma boa joelhada - explicou o treinador, em entrevista ao site MMA Fighting.

O treinador ainda avaliou o susto que levou durante o início complicado do confronto, onde Mark Hunt chegou a derrubar Fabricio por duas vezes com poderosos socos no rosto.

- No início, fiquei com medo, as coisas não saíram como prevíamos e tivemos de mudar nossa estratégia. Pedi para o Fabricio se movimentar no primeiro round e fazer o Mark Hunt se cansar. No segundo round, pedi que ele batesse mais e fosse mais agressivo. Sabíamos que o Hunt bate muito forte. Graças a Deus no segundo assalto ele se encontrou, encaixou uma bela joelhada e foi demais - concluiu.