icons.title signature.placeholder Alyson Gonçalo
icons.title signature.placeholder Alyson Gonçalo
21/07/2013
19:36

Torcedores do Santos e do Coritiba brigaram nos arredores da Vila Belmiro, após o empate por 2 a 2 entre as equipes, neste domingo. A confusão começou logo depois do jogo, envolveu pedras e paus e deixou feridos. A Polícia Militar teve de intervir e utilizou bombas de efeito moral e balas de borracha. Houve detidos, mas a PM ainda não divulgou quantos.

Segundo relatos, o conflito teve início na rua Dom Pedro I e continuou na rua Tiradentes. Grande parte da torcida visitante estava dentro do estádio, mas alguns membros da Império Alviverde não entraram na Vila Belmiro para o jogo. Eles acreditavam que conseguiriam comprar ingressos minutos antes da partida, o que não aconteceu.

Confusão casou danos na região da Vila (Fotos: Alyson Gonçalo/LANCE!Press)

Então, quando os santistas saíram do estádio, a briga começou. Há relatos até de disparos com armas de fogo.

Por conta do conflito, as delegações de Santos e Coritiba demoraram para deixar o estádio. Além disso, os torcedores do Coxa que estavam dentro da Vila foram liberados quase duas horas depois do término da partida.

Santos acaba no empate contra o Coritiba


Torcedores do Santos e do Coritiba brigaram nos arredores da Vila Belmiro, após o empate por 2 a 2 entre as equipes, neste domingo. A confusão começou logo depois do jogo, envolveu pedras e paus e deixou feridos. A Polícia Militar teve de intervir e utilizou bombas de efeito moral e balas de borracha. Houve detidos, mas a PM ainda não divulgou quantos.

Segundo relatos, o conflito teve início na rua Dom Pedro I e continuou na rua Tiradentes. Grande parte da torcida visitante estava dentro do estádio, mas alguns membros da Império Alviverde não entraram na Vila Belmiro para o jogo. Eles acreditavam que conseguiriam comprar ingressos minutos antes da partida, o que não aconteceu.

Confusão casou danos na região da Vila (Fotos: Alyson Gonçalo/LANCE!Press)

Então, quando os santistas saíram do estádio, a briga começou. Há relatos até de disparos com armas de fogo.

Por conta do conflito, as delegações de Santos e Coritiba demoraram para deixar o estádio. Além disso, os torcedores do Coxa que estavam dentro da Vila foram liberados quase duas horas depois do término da partida.

Santos acaba no empate contra o Coritiba