icons.title signature.placeholder Pedro Barboza
17/06/2014
11:16

Mesmo quem consegue ingressos para a Copa do Mundo e passagens aéreas para o Brasil não tem presença garantida nos jogos do Mundial. É o caso de turistas argelinos e belgas que estão no país-sede desta Copa e correm o risco de perder o confronto entre as seleções nacionais, valido pelo Grupo H, por conta de problemas no Aeroporto Santos Dumont devido a denso nevoeiro no Rio de Janeiro.

Os torcedores compraram passagens para viajar do Rio para Belo Horizonte, mas o aeroporto simplesmente não funcionou durante quase toda a manhã. Nenhum avião decolou, e sequer os veículos que estavam programados para chegar ao Rio puderam pousar na Cidade Maravilhosa.

A jornalista argelina Sarah Gherdaoui, uma das clientes prejudicadas, reclamou indignada do serviço da cidade-sede da final da Copa do Mundo:

- Estamos aqui desde 6h, o aeroporto está fechado e ninguém dá informação. Isto é inadimicível. A companhia aérea simplesmente não dá informação alguma - disse.

Sarah Gherdaoui (centro) e compatriotas esperam por resposta de companhias (Foto: Pedro Barbosa)

A todos os torcedores que compraram passagens e pretendiam viajar a tempo de acompanhar a partida, que está marcada para 13h, no Mineirão, as companhias aéreas simplesmente afirmaram que o aeroporto não tinha previsão para começar a funcionar. Cerca de duas horas depois, outro comunicado chegou avisando que a base aérea seria aberta, mas que não se sabia quando novos vôos poderiam ser marcados.

Para tentar compensar o transtorno, algumas empresas distribuíram vales para café da manhã, mas não coseguiram acalmar os clientes. Argélia e Bélgica fazem a estreia na Copa do Grupo H, que conta ainda com Coreia do Sul e Rússia.