icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
26/11/2014
18:57

A bicampeã olímpica Fabiana Claudino está na expectativa da grande final da Copa do Brasil entre Atlético-MG e Cruzeiro. A capitã já declarou sua torcida pelo Galo, mesmo de longe. A equipe do Sesi-SP fará um jogo nesta quarta-feira em Araraquara e de lá, a bicampeã olímpica brincou com a companheira de equipe, a líbero Suelen, que é torcedora do Cruzeiro. A mensagem é de paz nos estádios de futebol.

- Hoje tem decisão da Copa do Brasil. É o meu querido Galo contra o Cruzeiro da minha amiga Suelen. A rivalidade é a engrenagem que alimenta qualquer esporte. Quando digo rivalidade, é aquela sadia, a de tirar sarro dos amigos, contar títulos em cima do rival e secarmos o adversário. Inimizade, violência e intolerância são palavras que não pertencem ao esporte. A final tem tudo pra ser bonita demais. Os mineiros precisam dar o exemplo dessa paz que tanto desejamos no esporte. Violência e esporte nunca combinaram - afirmou a atleta.

Fabiana é torcedora do Galo Mineiro desde pequena. A paixão foi passada pelos pais, em Santa Luzia, cidade da região metropolitana de Belo Horizonte, onde foi criada.

- Lá em casa todo mundo é atleticano. É uma paixão que já nasceu comigo, principalmente por influência do meu pai. Hoje Minas Gerais está em festa! Vamos torcer com amor no coração, entendendo que não seria o Atlético tão grande, sem o Cruzeiro. E nem o Cruzeiro tão vitorioso, sem o Alético. Viva o esporte! Viva Minas! Viva a paz! Galo doido da massa - encerrou.