icons.title signature.placeholder Carlos Alberto Vieira
14/06/2014
16:57

A retirada de ingressos é feita em um único ponto de Manaus.

Neste sábado, dia do jogo mais esperado entre os quatro que a cidade hospedará, Inglaterra x Itália, centenas de pessoas esperavam a abertura dos guichês. Uma delas, exatamente a primeira da fila, era o comerciário Max Franco. Ele chegou às seis da manhã, depois de ter feito uma longa  viagem que ainda iria demorar muito para acabar.


Max é de Roraima. Trabalhou até o fim da tarde de ontem e seguiu direto para a rodoviária da capital Boa Vista. Então, pegou um ônibus para Manaus.


- Foi uma viagem de 12 horas depois de um dia longo de trabalho. E estou aqui apenas para este jogo entre ingleses e italianos. Acaba a partida,  que será a única da Copa que eu irei acolmpanhar dentreo do estádio, sigo para a rodoviária e pego o ônibus de volta para Roraima. Chegarei no domingo à tarde - disse Max, que estava na fila maior, aquela dos torcedores que não agendaram a retirada dos ingressos. Estava muito chateado com a confusão e tentava entender o que o segurança que tentava organizar uma fila estava querendo.