icons.title signature.placeholder Luiz Signor
27/03/2014
13:17

A vitória sofrida do Flamengo nos pênaltis e a goleada do Vasco contra o Avaí não foram os únicos destaques da primeira noite da IV Copa Brasil de Beach Soccer, disputada nas areias de Ponta Negra, às margens do Rio Negro, em Manaus. Alex Renato estava presente na principal arquibancada da Arena apoiando o Sampaio Corrêa, time do seu estado natal, o Maranhão, na derrota para o Vila Velha. Mesmo sendo flamenguista, ele fez questão de, sozinho, apoiar o Tubarão, derrotado pelo time do Espírito Santo, vestido com a camisa do time maranhense. E chamou para si a atenção dos presentes.

Sampaio Corrêa e Vila Velha foram os responsáveis pelo jogo que inaugurou a edição deste ano da Copa Brasil. As arquibancadas ainda não estavam completamente tomadas pelo público e, com isso, os dizeres, brincadeiras e as muitas provocações de Alex Renato foram ouvidas por praticamente todos os presentes na arena montada no Complexo Turístico de Ponta Negra. Risadas de sobra para aqueles que acompanhavam o jogo.

- Sou flamenguista, mas vim apoiar o Sampaio, time da minha terra. Sempre venho acompanhar essa competição - disse Alex, ao LANCE!Net.

Um dos principais "alvos" de Alex Renato foi o experiente Buru, de 37 anos, o destaque do Vila Velha. Autor do primeiro gol do jogo, ele não podia pedir atendimento médico, se aproximar da arquibancada ou erra uma finalização para ser "elogiado". O maranhense acabou contagiando quem estava ao seu lado e a torcida do Sampaio "cresceu".

- O Buru para de enrolar, para de fazer isso, meu filho!

- Buru, você já está velho. Vai pra casa, Buru!

O maranhense Alex não poupou nem o Sampaio Corrêa. Os gols perdidos pelo time também foram alvos de críticas. Mas sempre bem humoradas:

- Aqui não é jacaré não. Aqui é tubarão. Vamos jogar, pô! - disse o torcedor, se referindo, em um primeiro momento, ao animal característico dos rios amazônicos e, depois, ao mascote do time.

O Sampaio Corrêa volta a atuar pela IV Copa Brasil de Beach Soccer nesta quinta, quando terá o Botafogo, a partir das 17h45 (18h45 no horário de Brasília), como adversário.

* O repórter viaja a convite da organização da IV Copa Brasil de Clubes de Beach Soccer.