icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
05/07/2014
12:57

Muitos acreditam que o maior patrimônio de um clube é o torcedor. No caso do Bangu, a máxima é mais do que verdadeira. Trocam as diretorias, mas sempre tem um grupo que, interessado apenas no futebol, apoia a equipe da Zona Oeste do Rio de Janeiro. Entre esses torcedores está o cenógrafo Clécio Régis, que tira dinheiro do bolso para incentivar o Bangu e manter viva a história centenária.

O trabalho mais recente começou há 15 anos quando moradores de Bangu resolveram bancar a história de que o introdutor do futebol no Brasil foi o escocês Thomas Donohoe e não o paulista Charles Miller.

- Sempre ouvíamos histórias de que o futebol começou na Fábrica de Tecidos Bangu por meio de um escocês que teria trazido a primeira bola para o Brasil, e acreditamos nisso. Então, decidimos investigar e fazer uma pesquisa histórica para provarmos ao mundo o que já sabíamos há muito tempo.

O desfecho da história aconteceu em junho, quando o grupo apresentou a conclusão do trabalho e Clécio inaugurou um monumento, feito por ele mesmo, em homenagem a Thomas Donohoe na entrada do Shopping Bangu.

- A repercussão foi fantástica e o monumento é um sucesso. Sempre tem aproximadamente dez pessoas em torno do monumento para conhecer a história. Jornalistas do mundo todo já fizeram matérias e conseguimos difundir o nome do Bangu nas principais línguas faladas no mundo – explicou.

Clécio é uma espécie de líder (informal) da torcida banguense, mesmo quando o time não joga. Na final da Champions League, entre Real e Atlético de Madrid, ele reuniu os moradores para torcer a favor do Atlético, que tem as mesmas cores do Bangu. Fez até camiseta para a partida, mas...

- Acho que demos azar para o Atlético – brincou.

Apesar do trabalhão no projeto Thomas Donohoe, Clécio Régis ainda tem ânimo para uma nova aventura histórica. O próximo passo para colocar o Bangu em evidência fora dos gramados é provar que o primeiro jogador negro do futebol carioca foi Francisco Carregal, obviamente, do Bangu Atlético Clube.