icons.title signature.placeholder Pedro Barboza
11/04/2014
10:53

Dois dias após a eliminação da Libertadores e às vésperas do clássico da decisão do Campeonato Carioca diante do Vasco, a sexta-feira foi de aparente calmaria no Ninho do Urubu. Isso porque apenas os reservas foram a campo. Os titulares realizaram apenas um trabalho regenerativo na academia. Por outro lado, o dia foi de preocupação para o treinador com os jogadores que ainda seguem no departamento médico.

Isso porque além de Elano, Léo e Hernane, que estão entregues ao DM, e João Paulo e Cáceres, que já estão na transição para a parte física, Léo Moura e André Santos conversaram por um longo período com o chefe do departamento médico do clube, José Luiz Runco.

E MAIS
- Cruzeiro define Parque do Sabiá como palco da partida contra o Flamengo
- Jayme encara maior pressão desde que assumiu o Flamengo

L!TV:
- Jayme espera apoio da torcida para conquistar primeiro estadual
- Jayme revela o que falou aos jogadores após desclassificação
- André Santos desabafa: responsabilidade é de todos

BLOG DO JANCA
- Zico tem razão sobre Copa União de 87

A atividade estava marcada para as 9h desta sexta e cerca de 40 minutos depois o primeiro jogador já deixou o CT. Entre eles, Felipe, Samir, Paulinho, Everton e Muralha.

Com isso, apenas os reservas fizeram uma atividade técnica, em campo reduzido, e em seguida treinaram cobranças de faltas e aproximação com chutes ao gol.

Na manhã de sábado, Jayme comandará a última atividade antes da decisão. No entanto, o treinador deve apenas comandar um recreativo devido ao desgaste do elenco. Flamengo e Vasco se enfrentam no domingo, às 16h, no Maracanã. Para ser campeão, o Rubro-Negro pode até empatar.