icons.title signature.placeholder RODRIGO CERQUEIRA
20/06/2014
23:50

A carreira do zagueiro Frickson Erazo no Flamengo ficou abalada depois das atuações do jogador no Campeonato Carioca. Convocado para a Copa do Mundo para defender o Equador, ele quer aproveitar o momento para mostrar seu valor. E contra Honduras teve uma boa atuação na vitória do time sul-americano por 2 a 1. Agora, El Elegante (como é chamado em seu país) já respira mais aliviado e pede um voto de confiança aos rubro-negros.

- Acho que sim (sobre ter passado uma boa imagem para os flamenguistas). É verdade que fizemos uma boa partida, acho que ainda podemos evoluir. Temos que ficar tranquilos, com a cabeça no lugar e tentar no próximo jogo ter um bom desempenho para continuar no Mundial - afirmou o jogador, que lembrou a necessidade de ter confiança para desempenhar bem o seu papel em campo:

- O atleta sempre precisa da confiança. Agradeço muito ao meu professor (técnico Reinaldo Rueda), que sempre me passa confiança. E vamos ver, acho que todos fizeram um grande jogo.

Erazo também deixou claro que o sucesso de algumas equipes sul-americanas no Brasil não se trata de um acaso:

- O futebol sul-americano está crescendo muito. Como falam lá no Rio, "a parada é diferente". Os times europeus sabem o que há na América do Sul. 

Com a vitória desta sexta-feira, o Equador soma três pontos no Grupo E da Copa do Mundo do Brasil.  Ocupa a vice-liderança e enfrenta a França no próximo dia 25, no Maracanã. Se vencer está classificada. Em caso de empate, precisa torcer por um tropeço da Suíça contra Honduras.