icons.title signature.placeholder David Nascimento
15/02/2015
08:55

Este início de ano do Flamengo demonstra a solidariedade existente entre os jogadores. Em sete partidas disputadas na temporada  (amistoso contra o Shakhtar Donetsk, da Ucrânia; dois jogos no Super Series, contra Vasco e São Paulo; e as quatro partidas do Campeonato Carioca), o time comandado pelo técnico Vanderlei Luxemburgo fez 14 gols. Nada de anormal, não fosse o fato deles terem sido marcados por oito jogadores diferentes.

A pulverização dos gols é um ponto festejado pelo treinador rubro-negro. Ele entende possuir opções de qualidade, até entre os reservas. Este é justamente o caso de Alecsandro. Artilheiro da equipo ao lado de Marcelo Cirino, fez todos seus três gols depois de deixar o banco (veja mais abaixo).

– Isto acontece por conta da qualidade dos jogadores e do grupo do Flamengo, que é bom e está muito unido, este ano. As coisas ocorrem naturalmente, dentro de campo. E o mais importante é que o Flamengo não depende de apenas um jogador. Dá mais confiança para o grupo saber que em cada partida um jogador pode decidir – explicou Eduardo da Silva, autor de um dos gols na goleada sobre a Cabofriense, na última quarta-feira.

Outro ponto de destaque é a média de gols do Flamengo na temporada: dois, por jogo. Levando-se em consideração apenas as partidas do Campeonato Carioca, a média é melhor: três, por jogo. Números animadores para qualquer torcedor rubro-negro que, neste início de 2015, acredita ter tudo para não ficar até dezembro no sofrimento da luta para sair da “confusão”, como no ano passado. Melhor ainda, entende ser possível sonhar alto. Ambiciona disputar títulos em todas as competições que disputar.

OS AUTORES DOS GOLS DO FLAMENGO EM 2015

Marcelo Cirino
O atacante fez três gols, diante de Barra Mansa (dois) e Cabofriense.

Alecsandro
Três gols, diante de Cabofriense, Resende e Macaé.

Everton
O meia fez dois gols, contra o Vasco, em Manaus, e diante da Cabofriense.

Samir
O zagueiro fez dois gols, diante do São Paulo, em Manaus, e contra a Cabofriense.

Arthur Maia
O meia fez um gol. Foi diante do Barra Mansa, pelo Campeonato Carioca.

Canteros
Ele fez um gol, contra o Barra Mansa. Foi de falta e comparado ao famoso de Petkovic.

Anderson Pico
O lateral-esquerdo fez um gol, diante do Resende. Ele também fez um gol contra.

Eduardo da Silva
O atacante fez um gol assim que retornou ao time, contra a Cabofriense.