icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
25/03/2014
13:05

Porto e Benfica começam nesta quarta-feira uma pequena sequência de clássicos. Enfrentam-se pela ida da semifinal da Taça de Portugal no Estádio do Dragão. Os rivais ainda estão juntos na mesma fase da Taça da Liga, e ainda há o confronto pelo Campeonato Português, na última rodada. Para o início desses jogos, o novo técnico do Porto, Luís Castro, pede que o seu time seja racional e jogue com calma.

- Temos de olhar para este jogo como o clássico que é, mas não podemos levar as coisas para muito mais do que isso, sob pena de perdermos a racionalidade. Temos de ser inteligentes na abordagem ao jogo. Queremos vencer, mas é preciso estarmos conscientes de que se trata de uma eliminatória e esta será a primeira parte, em nossa casa - lembrou Luís durante entrevista coletiva.

O treinador do Porto elogiou o Benfica e o trabalho feito por Jorge Jesus. Mas também lembrou que o Dragão já tem uma identidade, mesmo com pouco de trabalho, e que vai entrar para vencer.

- Espero um Benfica competente, liderado como tem vindo a ser liderado pelo Jorge, com forte intensidade de jogo. Em campo estará um Porto com identidade, na forma de jogar que temos vindo a construir, que vai apanhar pela frente uma equipe complexa. Vamos impor a nossa identidade - garantiu o treinador do Porto.