icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
19/04/2014
16:34

Após o empate em 1 a 1 com o Icasa em sua estreia da Série B do Brasileirão, o  técnico Dado Calvacanti, da Ponte Preta, disse estar satisfeito com a apresentação do time, apesar da falta de entrosamento. A equipe contou com cinco estreias no time titular: os volantes Adílson Goiano e Elton, o meia Léo Cittadini e os atacantes Alexandro e Edno. O comandante, que também fez seu primeiro jogo pela Macaca, avaliou a atuação  como positiva, apesar do tropeço em casa.

- Temos que diferenciar rendimento de resultado. Nosso rendimento foi muito bom para uma equipe que estreia com vários jogadores que não estavam nela antes. Já o resultado não foi bom, o empate não ficou de bom tamanho, não era isso o que queríamos. Fomos muito superiores ao nosso adversário, criamos mais, tivemos muito mais posse no ataque, finalizamos, procuramos o lado, ou seja, fizemos tudo o que precisávamos fazer. Essa foi a típica noite e que você produz, mas o resultado não vem. Pela entrega saímos satisfeitos, mas pelo resultado não. O empate em casa nunca é um bom resultado - afirmou.

O atacante Edno, que estreou marcando o gol de empate da Ponte, disse ainda precisar de mais alguns jogos para atingir um melhor ritmo de jogo, mas fez uma boa avaliação da sua participação em campo.

- Eu me daria um oito pelo empenho, pela vontade e pelo gol. Tentei ajudar o time e joguei o jogo inteiro. É claro que preciso de mais ritmo de jogo, minha última partida foi em 7 de dezembro e depois só treinando, mas acredito que fui bem. Vou demorar mais quatro ou cinco partidas para chegar ao 100% - disse o artilheiro.

Após a folga neste sábado, a equipe da Ponte Preta volta aos treinamentos neste domingo pensando na Copa do Brasil. Na próxima terça-feira, dia 22, vai a Curitiba enfrentar o Paraná, em partida válida pela segunda fase da competição.