icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
18/04/2014
20:47

Claramente desconfortável com a interrupção do jogo contra o Joinville, nesta sexta-feira, na Arena Joinville, o treinador da Portuguesa, Argel Fucks, disse que os jogadores deixaram o gramado obedecendo a ordens do presidente do clube, Ilídio Lico.

- Eu sou funcionário do clube, é uma decisão do presidente, do departamento de futebol e eu tenho que acatar. Foi uma decisão do presidente e do departamento de futebol - afirmou o técnico.

Aos 17 minutos do primeiro tempo do jogo entre Portuguesa e Joinville, válido pela primeira rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, um oficial da Justiça entrou no gramado e fez os jogadores lusitanos a deixarem o gramado.

A interrupção da partida se fez necessária porque a liminar de um torcedor, favorável à Portuguesa, referente à perda de pontos do clube no Campeonato Brasileiro do ano passado, ainda estava de pé na Justiça.