icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
03/04/2014
19:15

O Ituano realizou no fim de tarde desta quinta-feira seu último treino com portões abertos antes do primeiro jogo da final do Paulistão. Buscando segurar o ofensivo time Santos, o técnico Doriva não deu espaço para descontração, mantendo clima de seriedade e exigindo o máximo em termos físicos de seu elenco.

Durante o treinamento, o treinador "voltou ao tempo de jogador", ao realizar um trabalho à parte com o goleiro Vágner, um dos destaques da equipe neste Estadual. Por cerca de 15 minutos, Doriva, que foi volante nos anos 90 e 2000, finalizou diversas vezes em direção ao gol, obrigando o arqueiro a fazer difíceis defesas. Apesar de caprichar na mira, o comandante viu seu camisa 1 fechar a meta.

No restante do treino, o treinador e sua comissão técnica priorizaram justamente trabalhos de finalização, colocando atletas de diferentes posições para chutar ao gol. Sob incansáveis gritos do comandante, os jogadores mostraram boa pontaria.

Já no fim da atividade, os atletas disputaram o tradicional rachão. Com portões abertos, aproximadamente 30 torcedores subiram às arquibancadas do Estádio Novelli Júnior para assistir a uma prévia do que esperam ver nas finais do Campeonato Paulista.

Ituano e Santos se enfrentam nos dois próximos domingos, às 16h, no Estádio do Pacaembu.

Doriva comenta preparação do Ituano para encarar o Santos