icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
27/06/2014
12:45

Há pouco mais de cinco anos, no Japão, Ronaldo Jacaré amargava uma dura derrota por nocaute, no Dream 6. O adversário, Gegard Mousasi, foi o segundo e último a levá-lo à lona em 24 lutas, e agora está novamente em seu caminho, numa duelo fundamental para o brasileiro, no UFC 176, dia 2 de agosto, em Los Angeles, nos Estados Unidos.

Se vencer, Jacaré, quarto colocado no ranking da categoria peso-médio, se aproxima de uma disputa de título. Em seu corner, novamente, estará Rogério Camões, que começou a trabalhar como preparador físico do atleta logo após aquela derrota, e hoje o vê em outro patamar, mais afiado e sonhando com voos mais altos.

- Assistimos àquela luta, o Ronaldo estava melhor, mas se afobou um pouquinho. Tomou a pedalada e foi à lona. O vejo totalmente diferente para essa revanche. Hoje é um outro lutador. Virou perigoso em pé, tem a mão muito dura, está com o boxe em dia. Melhorou demais o wrestling e o grappling, está mais forte na queda. Hoje, o Jacaré faz um jiu-jitsu de MMA e naquela época era recém vindo do pano, das competições de kimono. Além disso, essa luta foi há muito tempo. Está tudo muito diferente. Fisicamente, o Jacaré tem uma qualidade muscular muito maior e uma técnica muito mais apurada - conta Rogerão.

Acompanhando o dia a dia de Ronaldo Jacaré, Rogerão afirma que o lutador está em franca evolução para alcançar a vitória sobre Mousasi e continuar subindo na categoria, tendo o cinturão como objetivo. E a tática para fazer o brasileiro sair do octógono com o triunfo é aprimorar ainda mais o seu ponto forte, o jiu-jitsu, apesar da evolução na luta em pé e no wrestling. Jacaré é cinco vezes campeão mundial de jiu-jitsu e já finalizou 14 oponentes em suas 20 vitórias no MMA.

- Estamos na fase específica do treinamento. Já estou trabalhando em cima do que vai ser a prioridade dessa luta. O Mousasi é um striker, trabalha muito bem em pé. Por isso, vamos procurar fazer do Jacaré forte para imprimir o jogo dele, que é no chão, apesar de estar com o boxe muito afiado. Estamos trabalhando em cima disso. Ronaldo é já um nome forte e top no MMA. Nosso foco é melhorar cada vez mais o jiu-jitsu dele - comenta o preparador.

Ronaldo Jacaré soma em seu cartel 20 vitórias no MMA e apenas três derrotas. No UFC, são três lutas e três vitórias, sobre Chris Camozzi e Yushin Okami, em 2013, e Francis Carmont, em fevereiro deste ano. A luta contra Mousasi, dono de um expressivo recorde de 35 vitórias, dois empates e quatro derrotas, será a primeira do brasileiro fora de seu país-natal, no Ultimate.