icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
19/06/2014
16:26

No próximo dia 21, às 13h, o Irã tem uma partida decisiva frente à Argentina. Após o empate sem gols contra a Nigéria na estreia, o técnico português do Irã, Carlos Queiroz, espera ver uma melhor atuação ofensiva de seu time. Segundo o treinador, a seleção asiática teve que se fechar mais na partida de estreia devido à força física do adversário.

- Estivemos focados em manter a defesa fechada frente a uma Nigéria que é extremamente forte fisicamente. Apesar de estar isolado na frente, Ghoochannejhad conseguiu pressionar os adversários e fiquei impressionado com a exibição dele. Espero que os outros jogadores o apoiem mais contra a Argentina - disse Queiroz ao site oficial da FIFA.

Pela segunda rodada da Copa do Mundo, o Irã enfrenta a Argentina de Messi, Aguero em Belo Horizonte, no próximo dia 21, às 13h. Nigéria e Bósnia, que completam o grupo F, jogam no mesmo dia, às 19h, em Cuiabá.