icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
27/08/2015
10:58

Chateado devido a galeada sofrida pelo Bahia para o Sport, por 4 a 1, na noite desta quarta-feira, na Ilha do Retiro, em Recife, que eliminou o time baiano da Copa Sul-Americana, o técnico Sérgio Soares pediu desculpas ao torcedor tricolor pala má apresentação da equipe. O treinador classificou a exibição dos tricolores como vergonhosa.

- Primeiramente, quero pedir desculpas ao torcedor, principalmente pela segunda etapa e pelas falhas que nós tivemos. Nós estávamos com a classificação até os 40 minutos e erramos. Para nós foi uma vergonha essa desclassificação - afirmou Sérgio, em entrevista coletiva, logo depois do jogo.

Em um momento delicado e perdendo de goleada em uma competição internacional, Sérgio foi questionado sobre uma possível saída dele do cargo. No entanto, o treinador afirmou não estar pensando nisso.

- Tenho uma diretoria que está acima de mim. Venho trabalhando, fazendo meu papel, e é isso que vou procurar fazer até o final - afirmou Sérgio, ressaltando que a meta maior do Bahia é a Série B do Campeonato Brasileiro.

- Hoje tem que sentir o resultado, absorver bem, saber o que deixamos de fazer e a partir de amanhã buscar uma outra situação. Agora temos só uma competição, que é o objetivo do ano.

Com 34 pontos, mesma pontuação do Sampaio Corrêa, quarto colocado, o Bahia ocupa a quinta posição na tabela de classificação da Série B. Neste sábado, às 21h, o time enfrenta o Mogi Mirim, em Mogi, pela 21ª rodada.

[[GAL:LANPGL20150826_0006]]

Chateado devido a galeada sofrida pelo Bahia para o Sport, por 4 a 1, na noite desta quarta-feira, na Ilha do Retiro, em Recife, que eliminou o time baiano da Copa Sul-Americana, o técnico Sérgio Soares pediu desculpas ao torcedor tricolor pala má apresentação da equipe. O treinador classificou a exibição dos tricolores como vergonhosa.

- Primeiramente, quero pedir desculpas ao torcedor, principalmente pela segunda etapa e pelas falhas que nós tivemos. Nós estávamos com a classificação até os 40 minutos e erramos. Para nós foi uma vergonha essa desclassificação - afirmou Sérgio, em entrevista coletiva, logo depois do jogo.

Em um momento delicado e perdendo de goleada em uma competição internacional, Sérgio foi questionado sobre uma possível saída dele do cargo. No entanto, o treinador afirmou não estar pensando nisso.

- Tenho uma diretoria que está acima de mim. Venho trabalhando, fazendo meu papel, e é isso que vou procurar fazer até o final - afirmou Sérgio, ressaltando que a meta maior do Bahia é a Série B do Campeonato Brasileiro.

- Hoje tem que sentir o resultado, absorver bem, saber o que deixamos de fazer e a partir de amanhã buscar uma outra situação. Agora temos só uma competição, que é o objetivo do ano.

Com 34 pontos, mesma pontuação do Sampaio Corrêa, quarto colocado, o Bahia ocupa a quinta posição na tabela de classificação da Série B. Neste sábado, às 21h, o time enfrenta o Mogi Mirim, em Mogi, pela 21ª rodada.

[[GAL:LANPGL20150826_0006]]