icons.title signature.placeholder Renato Rodrigues
19/03/2014
14:05

Levar o duelo com o Corinthians para o segundo jogo? Não, as ambições do Bahia de Feira, rival dos alvinegros nesta quarta-feira, pela Copa do Brasil, no estádio Joia da Princesa, em Feira de Santana, é muito maior que isso. Segundo o técnico da equipe baiana, eles não querem fazer "apenas um jogo de festa para o Timão na cidade".

Quintino Barbosa, conhecido como Barbosinha, acredita na classificação de seu clube. Apesar do favoritismo paulista, que até para ele é bastante óbvio, a ordem é tentar fazer um bom placar dentro de casa.

- A gente quer classificar. Para isso precisamos ir para o segundo jogo. Respeitamos muito o Corinthians, mas temos condições de passar por eles. Se a gente entrar pensando em somente viajar para São Paulo, sem objetivos, nem vamos entrar em campo. Não viemos só para fazer festa para o Corinthians aqui. Se vamos passar ou não, vamos ver no jogo, mas não vamos vender barato - garantiu, em entrevista ao LANCE!Net.

Questionado se a crise que o Corinthians passa no momento, principalmente após a eliminação precoce no Campeonato Paulista, pode ajudar sua equipe nas quatro linhas, Barbosinha foi bem claro em seus comentários.

- É ruim para gente. Se torna uma obrigação ainda maior para eles ganharem a partida. Sabemos da importância que eles consideram tirar o segundo jogo para ter tempo de treinar, fazer ajustes na equipe, já que a pré-temporada foi curta. Mas para gente é um jogo que teremos de saber neutralizar as jogadas ofensivas deles. Mas temos que jogar, futebol é jogado. Temos de respeitá-los, mas toda equipe que veio jogar contra nós em Feira de Santana teve dificuldades - concluiu.