icons.title signature.placeholder Bruno Andrade, Marcio Porto e Rodrigo Vessoni
01/07/2014
17:39

A Argentina venceu a Suíça por apenas 1 a 0 na tarde desta terça-feira, em São Paulo, e avançou às quartas de final da Copa do Mundo. O resultado apertado, porém, parece não preocupar o técnico Alejandro Sabella.

- Ganhar é o mais importante. Depois do jogo, eu, como treinador, preciso analisar várias coisas, coisas boas, coisas ruins. Ganhar por ganhar, eu não quero. A equipe sofreu com a tensão no primeiro tempo, contra um time muito forte, que joga bem fechado. Felizmente, nossos jogadores não perderam o equilíbrio - disse o comandante da Albiceleste, que evitou de fazer críticas ao time na entrevista coletiva após o jogo.

- Sou crítico, mas não vou criticar o grupo aqui para vocês (imprensa). Hoje a equipe fez uma boa partida, foi um time sólido, não deu espaços. Palacio foi fundamental no lance do gol, ele ajuda no ataque e na defesa - comentou.

Perguntado sobre a possível e tão esperada final entre Brasil x Argentina, o técnico desconversou e evitou falar sobre o assunto.

- Nosso objetivo é trabalhar para a próxima partida e seguir para as semifinais. Vamos pensar e falar apenas sobre o primeiro passo - disse Sabella.