icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
12/07/2013
18:11

Pela terceira vez seguida na Copa Libertadores, o técnico Cuca não poderá contar com todos os seus jogadores titulares para um confronto no torneio continental. Mesmo com a possível volta de Leandro Donizete na próxima quarta-feira, agora é Bernard quem desfalcará o Atlético-MG no jogo de ida da finalíssima contra o Olimpia, do Paraguai. O meia recebeu o terceiro cartão amarelo na fase de mata-mata e não poderá atuar em Assunção.

Em entrevista coletiva nesta sexta-feira, Bernard comentou sobre o lance que o suspendeu da partida de ida.

- Falei para ele (árbitro) dar o pênalti, gritei, os nervos ficam à flor da pele. Decisão, em 90 minutos ter de reverter um placar complicado, a gente sabe que o time do Newells tinha muita qualidade. Ali foi um pênalti, poderia mudar o jogo, fazer o 2 a 0. Não poderia ter feito aquilo, mas aconteceu, quem entrar em meu lugar vai dar conta - comentou o jogador, sobre o lance.

MAIS:
> Cuca vê Olimpia, no mínimo, igual ao Newell's
> Galo busca 'brecha' para trazer final para o Independência

Como não irá atuar no Paraguai, Bernard pode ser utilizado por Cuca para a partida diante do Corinthians, neste domingo. O treinador do Galo deverá repetir a escalação diante do Criciúma, quando escalou vários jogadores reservas e poucos titulares como Victor e Réver. Desta vez, Bernard poderá ser a peça para dar um toque a mais de qualidade no meio-campo alvinegro.

Mesmo cansado, o jovem de 20 anos mostra preocupação caso não jogue neste domingo. Neste caso, Bernard só voltaria aos gramados na partida em Belo Horizonte, apenas no dia 24 de julho.

- Não tem nada certo ainda, passei para o pessoal que estou com cansaço grande do jogo. Preciso descansar de toda maneira, psicologicamente, fisicamente, mas é importante também se o Cuca me colocar para jogar. Se não jogar este jogo eu vou ficar dez dias parado - completou o jogador.

Pela terceira vez seguida na Copa Libertadores, o técnico Cuca não poderá contar com todos os seus jogadores titulares para um confronto no torneio continental. Mesmo com a possível volta de Leandro Donizete na próxima quarta-feira, agora é Bernard quem desfalcará o Atlético-MG no jogo de ida da finalíssima contra o Olimpia, do Paraguai. O meia recebeu o terceiro cartão amarelo na fase de mata-mata e não poderá atuar em Assunção.

Em entrevista coletiva nesta sexta-feira, Bernard comentou sobre o lance que o suspendeu da partida de ida.

- Falei para ele (árbitro) dar o pênalti, gritei, os nervos ficam à flor da pele. Decisão, em 90 minutos ter de reverter um placar complicado, a gente sabe que o time do Newells tinha muita qualidade. Ali foi um pênalti, poderia mudar o jogo, fazer o 2 a 0. Não poderia ter feito aquilo, mas aconteceu, quem entrar em meu lugar vai dar conta - comentou o jogador, sobre o lance.

MAIS:
> Cuca vê Olimpia, no mínimo, igual ao Newell's
> Galo busca 'brecha' para trazer final para o Independência

Como não irá atuar no Paraguai, Bernard pode ser utilizado por Cuca para a partida diante do Corinthians, neste domingo. O treinador do Galo deverá repetir a escalação diante do Criciúma, quando escalou vários jogadores reservas e poucos titulares como Victor e Réver. Desta vez, Bernard poderá ser a peça para dar um toque a mais de qualidade no meio-campo alvinegro.

Mesmo cansado, o jovem de 20 anos mostra preocupação caso não jogue neste domingo. Neste caso, Bernard só voltaria aos gramados na partida em Belo Horizonte, apenas no dia 24 de julho.

- Não tem nada certo ainda, passei para o pessoal que estou com cansaço grande do jogo. Preciso descansar de toda maneira, psicologicamente, fisicamente, mas é importante também se o Cuca me colocar para jogar. Se não jogar este jogo eu vou ficar dez dias parado - completou o jogador.