icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
09/07/2014
10:21

Os carros da Fórmula 1 podem ter uma mudança drástica já no próximo GP, que será realizado na Alemanha, de acordo com uma publicação da resvista "Autosport". A Federação Internacional de Automobilismo (FIA) informou as equipes, nesta terça-feira, do possível banimento da suspensão interligada, alegando que o sistema é ilegal.

O sistema é um dos trunfos dos carros do britânico Lewis Hamilton e Nico Rosberg, líderes da atual temporada. Segundo alguns analistas ténicos, a Mercedes teria aprimorado e levado o sistema à outro patamar.

O próximo passo da entidade é discutir com as escuderias a partir de quando acontecerá esse banimento, já que os carros deste ano foram feitos em cima da suspensão interligada. Haverá uma votação para saber se já na próxima corrida (que será dia 20) ou se ficará na próxima temporada.

- Tendo visto e estudado praticamente todos os desenhos atuais de suspensão interligada, nós, a FIA, temos a visão que a legalidade de todos esses sistemas podem ser postas em questão – escreveu o diretor técnico da FIA, Charlie Whiting, em um documento que a “Autosport” teve acesso.

Caso a votação opte por deixar para a próxima temporada, pode se abrir um precedente de reclamações de equipes em relação a outras, alegando ilegalidade, levando isso a direção de prova.