icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
02/02/2015
18:10

A oitava rodada do returno da Superliga masculina de vôlei 14/15 terá início nesta segunda-feira, com o duelo entre Vôlei Canoas (RS) e Sada Cruzeiro (MG), e prosseguirá na terça, com mais um confronto. Desta vez, se enfrentarão Minas Tênis Clube (MG) e Sesi-SP, às 19h, na Arena Minas, em Belo Horizonte (MG). Outras quatro partidas, pela mesma rodada, ainda acontecerão na quarta-feira.

Em posições invertidas em relação ao primeiro turno, o time paulista ocupa, agora, a terceira posição, com 37 pontos, e a equipe mineira é a quinta colocada, com 33. No primeiro encontro, na Vila Leopoldina, em São Paulo (SP), o Minas venceu por 3 sets a 2. Para a partida de amanhã, o jovem central Flávio espera equilíbrio.

- Nossa equipe é jovem, ainda com pouca experiência, diferente do time do Sesi-SP, que conta com grandes estrelas do vôlei. Mas, jogamos com muita raça e colocamos o coração em quadra. Assim que conseguimos vencer alguns dos principais times da Superliga.

Quarto colocado na estatística de bloqueio, o central terá dois experientes jogadores da mesma posição do outro lado da rede: Riad e Lucão. O respeito pelos adversários é grande, mas Flávio afirma que, na hora do jogo, isso muda um pouco.

- O Lucão é um ídolo nacional, está há muito tempo na seleção e dono de grandes conquistas. O Riad é o primeiro na lista dos bloqueadores e um referência. São espelhos para mim e procuro observar sempre o tempo de bloqueio e a agilidade com que jogam para seguir o mesmo caminho. Há um respeito muito grande, mas, em quadra, quero fazer de tudo para ajudar o meu time a vencer.

E a experiência adquirida ao longo da carreira faz com que Lucão, central do Sesi-SP, destaque o valor de um resultado positivo na partida desta terça-feira.

- Estamos atravessando um bom momento na competição e uma vitória agora vai ser muito importante para que o nosso time consiga distanciar ainda mais do Minas e abrir alguns pontos do Brasil Kirin, que é o nosso adversário direto neste momento..

O jogo seguinte ao do Minas vai ser justamente contra o Brasil Kirin e, por isso, o momento é de foco total nos próximos duelos.

- Os próximos dois compromissos são aqueles que chamamos de jogos dos seis pontos. Precisamos pontar e não permitir que os adversários somem pontos. Por isso, são duas partidas muito importantes para tentarmos uma classificação melhor -, concluiu Lucão.