icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
25/07/2013
17:45

Onde está Zizao? A pergunta surgiu entre os jornalistas no meio da tarde desta quinta-feira, em um dia gelado no CT Dr. Joaquim Grava. No campo principal, titulares e reservas realizavam um treino técnico sob os olhares de Tite. Em outro, mais distante, jogadores como Paulo Victor, Antônio Carlos, Matheus e o recém-chegado Cleber faziam um trabalho de finalização. Mas e o chinês?

A resposta veio em alguns minutos por meio da assessoria de imprensa do clube, após confirmação com o médico Julio Stancati. Zizao se recupera de um trauma no joelho direito, sofrido há uma semana. Entre a decisão da Recopa Sul-Americana, com o título do Timão contra o São Paulo, a viagem da delegação a Curitiba (PR) para o empate por 1 a 1 contra o Atlético-PR e a folga na segunda-feira, ninguém havia percebido a ausência do meia-atacante nos campos do CT.

Também, pudera. Sem nenhum espaço com o treinador, o jogador participou de apenas três jogos na temporada, os três primeiros do ano, pelo Paulistão Chevrolet. Dali em diante, nem relacionado foi para nenhuma partida, seja do Estadual, da Libertadores, da Recopa ou do Brasileirão. Com contrato apenas até dezembro, o panorama deverá continuar o mesmo. O prazo de recuperação é de cerca de uma semana.

Onde está Zizao? A pergunta surgiu entre os jornalistas no meio da tarde desta quinta-feira, em um dia gelado no CT Dr. Joaquim Grava. No campo principal, titulares e reservas realizavam um treino técnico sob os olhares de Tite. Em outro, mais distante, jogadores como Paulo Victor, Antônio Carlos, Matheus e o recém-chegado Cleber faziam um trabalho de finalização. Mas e o chinês?

A resposta veio em alguns minutos por meio da assessoria de imprensa do clube, após confirmação com o médico Julio Stancati. Zizao se recupera de um trauma no joelho direito, sofrido há uma semana. Entre a decisão da Recopa Sul-Americana, com o título do Timão contra o São Paulo, a viagem da delegação a Curitiba (PR) para o empate por 1 a 1 contra o Atlético-PR e a folga na segunda-feira, ninguém havia percebido a ausência do meia-atacante nos campos do CT.

Também, pudera. Sem nenhum espaço com o treinador, o jogador participou de apenas três jogos na temporada, os três primeiros do ano, pelo Paulistão Chevrolet. Dali em diante, nem relacionado foi para nenhuma partida, seja do Estadual, da Libertadores, da Recopa ou do Brasileirão. Com contrato apenas até dezembro, o panorama deverá continuar o mesmo. O prazo de recuperação é de cerca de uma semana.