icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
27/11/2013
15:01

O STJD não deu permissão ao lateral-direito Léo para que ele atuasse na final da Copa do Brasil, esta quarta-feira, às 21h50, contra o Flamengo. Na noite da última terça-feira, o jogador havia sido absolvido por unanimidade na corte, mas os advogados do clube alertaram que ainda não havia nada definido.

- O Dr. Flávio Zveiter reconheceu que há uma discrepância no caso, mas se concedesse essa liminar poderia até ser revista pelo Pleno. Por esse risco, ele indeferiu a liminar - declarou o advogado do clube, Domingos Moro, à "Rádio Banda B".

O Tribunal não concedeu a liminar ao jogador, que foi expulso após discussão com Kleber Gladiador ao fim da partida de volta das semifinais, contra o Grêmio, na Arena.

Sem o atleta em campo, Mancini tem duas prováveis opções: a primeira é repetir a estratégia da partida em Curitiba e escalar o volante Juninho, improvisadamente, na posição, ou escalar Jonas, lateral de origem, para cobrir a ausência de Léo.