icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
15/03/2014
16:48

Se hoje Chael Sonnen é conhecido como um falastrão de carteirinha, muito se deve ao período em que o lutador esteve vivendo capítulos de sua rivalidade com Anderson Silva. Apesar de viver atualmente trocando provocações com Wanderlei Silva - com quem divide o protagonismo no The Ultimate Fighter Brasil 3 e provavelmente enfrentará no dia 31 de maio, o "gangster americano", como ele mesmo se classifica, lembrou os momentos de tensão vividos com Spider.

Durante entrevista ao programa "Estrelas", da Rede Globo, Sonnen analisou sua relação com Anderson e revelou o quê o motivou a ofender o brasileiro dutante a promoção dos dois combates realizados entre os dois - e que foram vencidos por Spider.

- Tinha inveja de vê-lo na televisão, batendo em todo mundo. Queria mostrar que podia ganhar dele e isso me motivava a provocá-lo e a pedir uma luta contra ele - exlicou o americano.

Chael ainda declarou que espera honestamente que Anderson Silva não volte a lutar. Segundo ele, Spider já conquistou tudo o que podia e tem condições de ter uma vida confortável sem entrar no octógono de novo.

- Anderson é um cara legal, mas espero que ele se aposente. Ele já conquistou tudo e tem muito dinheiro, o suficiente para garantir o futuro de muitas gerações da família - declarou. 

Chael Sonnen deve enfrentar Wanderlei Silva em confronto a ser realizado no dia 31 de maio, provavelmente em São Paulo. Atualmente, o americano aperece em sua participação no TUF Brasil 3, que vai ao ar aos domingos, na Rede Globo.