icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
13/04/2014
12:41

Um dos pontos mais esperados do The Ultimate Fighter Brasil 3 vai ao ar neste domingo. Desde antes do início do programa, após o Ultimate divulgar uma prévia do show, os fãs de MMA tem esperado para ver a briga entre Chael Sonnen e Wanderlei Silva, que aconteceu durante as gravações do reality.

Após diversas discussões durante o programa, em certa altura da temporada, os lutadores chegaram às vias de fato. Em entrevista ao site americano "MMA Fighting", Sonnen comentou sobre o incidente e lamentou a confusão, a qual tratou como "crime" já que, segundo o falastrão, a briga teve um terceiro envolvido.

- Acabou sendo um dois contra um e essa foi a parte mais infeliz. A situação toda gera arrependimento. Isso nunca deveria ter acontecido. O que aconteceu foi que outro idiota pulou no meio e isso é um crime. Foi isso que aconteceu, e é ilegal - comentou o americano.

De acordo com um vídeo divulgado pelo Ultimate na semana passada, com uma prévia do próximo episódio do reality show, tudo indica que o terceiro envolvido na confusão foi André Dida, um dos treinadores da equipe de Wanderlei. Nas imagens, Dida aparece comemorando com uma camisa do time de Sonnen na mão.

- Isso aqui vale ouro. Bater nesse filho da p... não tem preço - afirmou Dida.

Apesar da confusão durante o programa, a luta oficial entre Wanderlei Silva e Chael Sonnen está marcada só para o dia 5 de julho, em Las Vegas, nos Estados Unidos. Os lutadores se enfrentam pela edição 175 do Ultimate, que também conta com o duelo entre Chris Weidman e Lyoto Machida.