icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
17/07/2014
22:50

Mal comprou o meia Aránguiz, e o Internacional já recebe assédio. O investidor Delcir Sonda, que aportou o montante para comprar o chileno do Granada (ESP), confirmou na noite desta quarta-feira, na Arena Corinthians, que recebeu alguns contatos e sondagens pelo meio-campista. Mas que nenhuma proposta foi apresentada e que a ideia é valorizá-lo no Inter.

O presidente Giovanni Luigi, durante a intertemporada, admitiu publicamente que já haviam chegado sondagens com o dobro dos valores investidos para a compra do chileno. Na Copa do Mundo, o olheiro do Chelsea, Piet de Visser, elogiou muito o camisa 20 da Seleção do Chile e do Inter. O investidor primeiro fala em propostas em sua entrevista, mas depois diz que foi apenas um contato telefônico. Em um dos cenários, o jogador seria liberado para ficar no Inter até janeiro.



- Um dos clubes que quer ele libera até janeiro, mas não vou falar mais. As propostas precisam vir no papel, por telefone e só de boca não dá. Não é interessante nem falar, o jogador fica sabendo depois. O Inter precisa segurar ele para ter um time forte - comentou Sonda.

Sonda foi ao estádio corintiano para ver o argentino Martín Luque, que não foi regularizado a tempo de participar da partida, que terminou em vitória dos paulistas por 2 a 1. O empresário afirmou que acredita em valorização do meia no Inter e que quer dar títulos ao clube do coração.

- Não vou abrir o clube, mas eles vão trazer as propostas ainda. A janela vai mais um pouco ainda, mas o Inter precisa buscar títulos. Dinheiro o clube também precisa, mas o Inter precisa de títulos. O Inter precisa montar um time forte e não acho que ele vai sair. Prefiro esperar a proposta. Falaram comigo e disseram que vão voltar a falar. Mas já falei, dificlmente vamos nos desfazer. Vamos ver, deixa vir as propostas, acredito muito na qualidade, ele vai se valorizar mais no Brasileiro. É um jogador perfeito, completo - analisou Sonda.

Pelo lado do Inter, o vice de futebol, Marcelo Medeiros, rechaçou qualquer possibilidade de saída do volante. Disse que jogador tem contrato por quatro anos e permanecerá no clube. E ainda brincou ao saber que Sonda falou em Libertadores no próximo ano.

- O Aránguiz é do Inter, tem contrato d 4 anos, o Inter tem 50% do passe, não é só a questão do Delcir. Vai ficar aqui durante muito tempo. Se ele falou em Libertadores, sinal que não sai nem em 2015 - disse Medeiros.