Marcus Toledo

Solar atinge recorde de seis vitórias seguidas no NBB (Foto: LC Moreira)

LANCE!
30/01/2016
20:30
Fortaleza (CE)

O Solar Cearense bateu a Liga Sorocabana, por 88 a 65, na tarde deste sábado (30), no ginásio Paulo Sarasate, em Fortaleza, chega à sexta vitória seguida no torneio – melhor marca da equipe dirigida por Alberto Bial em todas as edições do campeonato nacional – e fica ainda mais perto do G-4. O grande destaque da partida foi o armador Davi Rossetto, que deixou o jogo como cestinha, ao lado de Neto, e anotou um duplo-duplo: 16 pontos e 12 assistências. Outros quatro atletas converteram mais de 10 pontos: Tiagão (15), Duda Machado (13), Felipe Ribeiro (13) e Marcus Toledo (11).

- Temos conseguido manter uma defesa forte. Mesmo com alguns problemas de saúde com boa parte do elenco, nos superamos e conquistamos outro grande e importante resultado. Novamente o nosso ataque foi muito equilibrado - afirma Davi Rossetto.

Melhor no início do jogo, o time de Sorocaba comandou as primeiras ações. Com um ataque mais eficiente, saiu na frente no placar. Mas, a partir da metade do primeiro período, os donos da casa acertaram a defesa, equilibraram as ações e forçaram o adversário a chutar muitas bolas no estouro do cronômetro. Empurrado por sua torcida, o Solar Cearense reagiu e fechou os 10 minutos iniciais em vantagem: 17 a 16. E, com um sistema defensivo forte e Davi e Tiagão em uma boa tarde, oito e 11 pontos, respectivamente – o armador ainda distribuiu sete assistências –, a equipe de Fortaleza foi para os vestiários com sete pontos de diferença no placar: 41 a 34.

Depois do intervalo, o Solar Cearense voltou com um ritmo muito forte. A defesa manteve o bom rendimento e limitou a Liga Sorocabana a 13 pontos no quarto: 64 a 47. Os destaques era Davi Rossetto, com um duplo-duplo (12 pontos e 11 assistências), Tiagão, com 15 pontos e 100% de aproveitamento, e Marcus Toledo, com 11 pontos e seis rebotes

No último período, com a boa vantagem no placar, os donos da casa souberam administrar o jogo. O técnico Alberto Bial rodou a equipe, debilitada por causa de uma virose que acometeu 10 jogadores durante a semana. Fim de jogo: 88 a 65.

- Conseguimos mais uma grande vitória, com uma defesa muito forte durante toda a partida. Isso fez toda a diferença para que chegássemos a mais um grande resultado. Mas temos que manter o que fizemos até aqui: trabalhar muito. Ainda falta bastante coisa e temos uma dura sequência longe de casa a partir da semana que vem - conclui Marcus Toledo, que anotou 11 pontos, sete rebotes, três assistências e uma bola recuperada.

Agora, o Solar Cearense terá uma sequência de cinco partidas longe de Fortaleza: Decisão Engenharia Minas, em Belo Horizonte, UniCEUB/Cartão BRB/Brasília, na Capital Federal, Mogi das Cruzes/Helbor, na Grande São Paulo, e Flamengo e Macaé Basquete, no Rio de Janeiro, nos dias 5, 12, 14, 17 e 19 de fevereiro, respectivamente.