icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
11/12/2013
19:28

Começou o Mundial de Clubes! O atual campeão marroquino, o Raja Casablanca, bateu o vencedor da Liga dos Campeões da Oceania, o Auckland City (NZE) por 2 a 1, com direito a gol nos acréscimos, e avançou às quartas de final da competição. Agora os africanos enfrentam o Monterrey (MEX) e podem ser adversários do Atlético-MG nas semis.

Os neozelandeses tentaram exercer um domínio sobre os donos da casa no começo da partida, mas não demorou muito para o Raja tomar a iniciativa da partida para si. Mais técnico e bem articulado que o rival  de além-mar, os marroquinos apertavam a saída de bola e tentavam, com toques rápidos, desarticular a zaga adversária. O atacante Mjajour recebeu duas bolas na cara do gol. Na primeira, aos 22, bateu para boa defesa do goleiro Williams. Na segunda não perdoou e abriu o placar no fim do primeiro tempo.

O Raja administrava o resultado na segunda etapa, mas Krishna salvou os neozelandeses. E não se trata de religião! Este era o nome do centroavante da equipe da Oceania. Ele aproveitou trapalhada da zaga adversária - três zagueiros bateram cabeça no lance - e entrou cara a cara com o arqueiro para deixar tudo igual.

Quando a partida se encaminhava para a prorrogação, veio o golpe final! Após brilhante defesa do goleiro Williams, Hafidi aproveitou o rebote, colocou a bola no fundo das redes e classificou os marroquinos à próxima fase. Vitória justa de um time que procurou mais o ataque.