icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
30/04/2014
10:13

Mesmo tendo passado quatro dias da edição 172 do Ultimate, que aconteceu em Baltimore, nos Estados Unidos, a Comissão Atlética de Maryland ainda não divulgou os salários recebidos pelos atletas escalados no evento. Segundo o site americano "MMA Manifesto", eles pediram diversas vezes ao órgão a divulgação oficial das bolsas, mas não foram respondidos.

Sem o documento oficial, o site americano fez um cálculo baseado nos últimos salários dos lutadores e estimaram quanto cada atleta recebeu para atuar no UFC 172. O número mais impressionante é a diferença entre o salário de Jon Jones e Glover Teixeira, que fizeram a luta principal do show. Somando a bolsa e o bônus de vitória, o campeão teria faturado quase 17 vezes o salário de Glover. Segundo a estimativa, Jones teria recebido U$ 400 mil, enquanto o brasileiro teria embolsado U$ 24 mil.

Curiosamente, apesar de ter disputado o cinturão meio-pesado, o brasileiro só teria ficado em 10º lugar entre os mais bem pagos do evento. Logo atrás de Jones, aparecem Takanori Gomi, com U$ 100 mil, e Jim Miller, com U$ 92 mil, com as maiores bolsas do show.

Confira abaixo as estimativas de salário do UFC 172:
Jon Jones: $400,000
Takanori Gomi: U$ 100 mil
Jim Miller: U$92,000
Joseph Benavidez: U$84 mil
Luke Rockhold: U$ 80 mil
Danny Castillo: U$ 62 mil
Tim Boetsch: U$ 37 mil
Phil Davis: U$ 30 mil
Max Holloway: U$28 mil
Glover Teixeira: U$ 24 mil
Anthony Johnson: U$ 16 mil
Bethe Correia: U$ 16 mil
Chris Beal: U$ 16 mil
Isaac Vallie-Flagg: U$ 12 mil
Tim Elliott: U$ 12 mil
Charlie Brenneman: U$ 10 mil
Yancy Medeiros: U$ 8 mil
Andre Fili: U$ 8 mil
Jessamyn Duke: U$ 8 mil
Patrick Williams: U$ 8 mil

*Os valores já estariam somando a bolsa com o bônus de vitória, mas não contam os prêmios de Performance e Luta da noite