icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
04/11/2014
11:58

Neste sábado, Mauricio Shogun volta a se apresentar em solo brasileiro para voltar ao caminho das vitórias e apagar o resultado traumático de seu último compromisso, quando foi nocauteado por Dan Henderson após bom início na luta principal do UFC de Natal. No evento que acontece em Uberlândia, o curitibano encara Ovince St Preux para recuperar seu prestígio na divisão.

Para voltar a vencer, o brasileiro aposta em seu estilo agressivo, o que o consagrou no extinto PRIDE com diversos nocautes. Apesar de estar longe da melhor fase de sua carreira, o que ele reconhece, Shogun acredita que pode voltar ao topo da divisão dos meio-pesados e até disputar novamente o cinturão da orgaização. 

- Nunca penso em lutar para provar algo a alguém. Faço isso porque amo. Tenho um estilo de luta que agrada aos fãs e aos promotores. Aprendi a lutar assim e é um estilo que faço para agradar, meu instinto natural. As pessoas sabem que quando estou lutando sempre busco o nocaute. Meu foco é sempre estar entre os melhores. Fechei com o UFC mais oito lutas, então espero voltar ao topo e ter a chance de disputar de novo o cinturão. Não estou na minha melhor fase, com certeza não estou. Mas sei que posso voltar. Por isso que treino duro e luto ainda - explicou o lutador, em entrevista so site oficial do Ultimate no Brasil.

O UFC de Uberlândia acontece neste sábado e, além do duelo entre Shogun e St Preux, o evento ainda conta com o confronto entre John Lineker e Ian McCal (valendo a posto de próximo desafiante ao cinturão dos moscas) e as apresentações de nomes como Warlley Alves e Caio Monstro.

Confira as lutas do show
Maurício Shogun x Ovince St. Preux
John Lineker x Ian McCall
Warlley Alves x Alan Jouban
Cláudio "Hannibal" Silva x Leon Edwards
Juliana Lima x Nina Ansaroff
Card preliminar
Diego Rivas x Rodolfo "Fito" Rubio
Caio Magalhães x Trevor Smith
Dhiego Lima x Jorge Oliveira
Leandro Buscapé x Charlie Brenneman
Thomas Almeida x Tim Gorman
Wagnão Silva x Colby Covington