icons.title signature.placeholder Ivo Felipe
11/12/2013
19:17

A seleção da Sérvia venceu a Dinamarca por 23 a 22 na tarde desta quarta-feira, em Nis (SER) e embolou a situação do Grupo B do Mundial Feminino de Handebol. Bom para o Brasil, que pode até perder por um gol de diferença para as dinamarquesas, na próxima sexta-feira, que ficará com a liderança da chave e um posicionamento privilegiado nas oitavas de final.

Com o resultado, o Brasil lidera o Grupo B com oito pontos e é o único time invicto. Sérvia e Dinamarca estão com seis pontos cada. Caso a Dinamarca vença a Seleção na sexta-feira, às 17h15 (de Brasília), e a Sérvia bata a China, os três times empatarão com oito pontos ganhos.

A decisão do posicionamento entre os times se daria no saldo de gols dos jogos entre os três. Como o Brasil venceu a Sérvia por dois gols de diferença (25 a 23) e as sérvias fizeram 23 a 22 na Dinamarca, basta um revés por apenas um gol para as dinamarquesas para o time verde e amarelo ficar com o primeiro lugar da chave.

Uma derrota por dois gols de diferença colocaria o Brasil em segundo lugar, atrás da Dinamarca e à frente das sérvias. Derrota por três ou mais gols, e o time comandado por Morten Soubak ficaria com o terceiro posto do grupo.

A classificação em uma boa posição no Grupo B é importante, já que o cruzamento na fase de oitavas de final é com o Grupo A, considerado o da morte da competição. Lá, estão França - atuais vice-campeãs mundiais -, Montenegro - vice-campeãs olímpicas  - e a Coreia do Sul, também uma potência do esporte.