icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
25/08/2015
23:44

Não foi dessa vez que o ABC quebrou a dura seca de vitórias em casa na Série B. Nesta terça, o time potiguar recebeu o Criciúma, no Frasqueirão, abriu 2 a 0, mas cedeu o empate nos últimos minutos e frustrou sua torcida. O resultado ampliou a sequência sem triunfos em seus domínios. Agora, são seis derrotas e cinco empates nas Frasqueira.

O resultado deixou o time Alvinegro na 17ª posição, com 19 pontos ganhos, na zona de rebaixamento. Apesar de não ser o resultado sonhado, o ponto conquistado em Natal levou o Tigre catarinense aos 29, na nona colocação. 

Mesmo com péssimo desempenho em casa, o ABC foi pra cima logo na primeira etapa. Welinton Bruno fez linda jogada, com direito a drible desconcertante, e bateu para o gol, mas Luiz fez a defesa. O Criciúma respondeu aos 27 com tiro de longe de Jeferson, mas o goleiro Gilvan fez a intervenção. Quando o relógio marcava 30 minutos da etapa inicial, veio o tento do time visitante. Rafinha conduziu até a entrada da área, soltou a bomba cruzada e abriu o marcador para o ABC.

O segundo gol foi marcado também por Rafinha, aos 12 da etapa final, em jogada semelhante. O atacante chutou cruzado, a bola bateu na trave e morreu nas redes. No entanto, quando a primeira vitória em casa parecia ter chegado, o Criciúma iniciou uma reação. Aos 42, Tiago Adan cabeceou para o gol e diminuiu o placar. Pressentindo o pior, a torcida do ABC, que estava no Frasqueirão, comecou a ficar apreensiva, e o castigo veio. Aos 46, Natan aproveitou o rebote da zaga, soltou a bomba e empatou a partida. 

No último lance, aos 49, Bismark entrou cara a cara com o goleiro, mas Luiz saiu no pé do atacante e evitou a primeira vitória do ABC em casa na Segundona. Na próxima rodada, o Criciúma encara o Náutico, na próxima terça, às 19h, no Heliberto Hülse. No mesmo dia, às 20h30, o ABC pega o Luverdense, em Lucas do Rio Verde. 

Não foi dessa vez que o ABC quebrou a dura seca de vitórias em casa na Série B. Nesta terça, o time potiguar recebeu o Criciúma, no Frasqueirão, abriu 2 a 0, mas cedeu o empate nos últimos minutos e frustrou sua torcida. O resultado ampliou a sequência sem triunfos em seus domínios. Agora, são seis derrotas e cinco empates nas Frasqueira.

O resultado deixou o time Alvinegro na 17ª posição, com 19 pontos ganhos, na zona de rebaixamento. Apesar de não ser o resultado sonhado, o ponto conquistado em Natal levou o Tigre catarinense aos 29, na nona colocação. 

Mesmo com péssimo desempenho em casa, o ABC foi pra cima logo na primeira etapa. Welinton Bruno fez linda jogada, com direito a drible desconcertante, e bateu para o gol, mas Luiz fez a defesa. O Criciúma respondeu aos 27 com tiro de longe de Jeferson, mas o goleiro Gilvan fez a intervenção. Quando o relógio marcava 30 minutos da etapa inicial, veio o tento do time visitante. Rafinha conduziu até a entrada da área, soltou a bomba cruzada e abriu o marcador para o ABC.

O segundo gol foi marcado também por Rafinha, aos 12 da etapa final, em jogada semelhante. O atacante chutou cruzado, a bola bateu na trave e morreu nas redes. No entanto, quando a primeira vitória em casa parecia ter chegado, o Criciúma iniciou uma reação. Aos 42, Tiago Adan cabeceou para o gol e diminuiu o placar. Pressentindo o pior, a torcida do ABC, que estava no Frasqueirão, comecou a ficar apreensiva, e o castigo veio. Aos 46, Natan aproveitou o rebote da zaga, soltou a bomba e empatou a partida. 

No último lance, aos 49, Bismark entrou cara a cara com o goleiro, mas Luiz saiu no pé do atacante e evitou a primeira vitória do ABC em casa na Segundona. Na próxima rodada, o Criciúma encara o Náutico, na próxima terça, às 19h, no Heliberto Hülse. No mesmo dia, às 20h30, o ABC pega o Luverdense, em Lucas do Rio Verde.