icons.title signature.placeholder João Matheus Ferreira/RADAR
11/11/2014
14:06

O clima esquentou em São Januário. O processo eleitoral do clube é muito conturbado e a chapa "Sempre Vasco" acusou uma irregularidade na lista de sócios, alegando que nomes foram retirados da lista de 162 votantes durante a madrugada. Segundo a chapa, os sócios estão indo na secretaria se regularizar, mas não estão conseguindo.

Segundo o presidente da Assembleia geral e candidato da chapa "Identidade Vasco", Roberto Monteiro, esses sócios realizaram o recadastramento de forma irregular e que estes associados estão inadimplentes. Por isso, não estão aptos a votar.

Este fato gerou uma disscussão entre as chapas. Eurico Miranda, candidato da chapa "Volta Vasco, Volta Eurico", gritou com Alan Belaciano, que apoia Julio Brant. José Henrique Coelho, também adepto de Brant, tomou as dores e discutiu com o ex-presidente. O conselheiro Denis Carrega Dias, que é apoiador de Eurico, também entrou na discussão com Coelho.

Depois dessa confusão, aconteceu um novo bate-boca entre o candidato Julio Brant e Antonio Porfírio, fiscal do Eurico. O candidato da chapa "Sempre Vasco" está bem perto das urnas e foi acusado por Porfírio de estar fazendo boca de urna.