icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
23/04/2014
08:30

Respeito e gratidão. São estes sentimentos que Chicão tem por Mano Menezes. Agora, como adversário, o zagueiro do Flamengo garante que não guarda mágoa do treinador, mesmo após ele ter saído de maneira surpreendente do Rubro-Negro em meados de setembro de 2013.

De acordo com o camisa 3 da Gávea, a relação com o técnico do Corinthians, rival de domingo pelo Campeonato Brasileiro, segue inabalável. Ele afirma, inclusive, que desde o dia em que Mano Menezes pediu demissão do Flamengo, não houve qualquer cobrança ou pedido de explicação.

– O reencontro com o Mano (Menezes) vai ser da melhor maneira possível. Tenho muito respeito por ele, nunca escondi isso. Mas, desde que ele saiu do clube, nós não nos falamos. Temos muita afinidade, trabalhamos juntos também no Corinthians – comentou Chicão, que foi dirigido pelo treinador no Parque São Jorge de 2008 a 2010.

E MAIS
- Veja o que o Fla poderia ter feito com a verba gasta com Carlos Eduardo
- Prejuízo milionário! LANCE!Net mostra valores pagos para ter Carlos Eduardo

CHARGE
- Nova ordem mundial

A gratidão pelo treinador fica explícita a cada palavra de Chicão. O zagueiro rubro-negro, porém, não consegue esconder que até hoje não entendeu o real motivo para Mano Menezes ter abandonado o clube da Gávea.

– Eu, sinceramente, não entendi, mas foi uma decisão dele. Respeitamos a vontade que teve, apesar de não saber se ele saiu no momento certo – salientou.

Os caminhos feitos por Chicão e Mano Menezes foram inversos. Enquanto um deixou o Corinthians para ir para o Flamengo, o outro fez justamente o contrário. Ambos, agora, voltam a se cruzar em lados opostos. Resta saber quem irá levar a melhor no Pacaembu: o zagueiro ou o treinador?

O espião! Chicão será o informante de Jayme contra Corinthians